#EuCurto Diário da Amazônia
Cidades

Queda de energia prejudica moradores

Segundo o Saae, mais de 3,7 mil consumidores foram prejudicados em várias cidades.

Por J. Nogueira Diário da Amazônia
A- A+

Publicado: 20/10/2017 às 05h30min

Durante toda a quarta-feira, consumidores estavam descontentes com o Saae

A queda de energia registrada na tarde da última terça-feira (17) na região central de Rondônia, parte do centro sul e em algumas cidades do Vale do Guaporé, resultou também na suspensão do abastecimento de água a mais de 3,7 mil consumidores do município de Alvorada D’Oeste.

Até a noite de quarta-feira (18), em alguns bairros da cidade, parte alta, o abastecimento, ainda não tinha retornado, e segundo o Serviço Autônomo de águas e Esgoto (Saae), a normalidade estava prevista para a até as 12h de ontem, quinta-feira.

Durante toda a quarta-feira (18), consumidores demonstraram descontentamento nas redes sociais, criticando bastante a ineficácia da estatal. Alguns, até chegaram a ameaçar acionar a Justiça. “Quero ver como vem a conta de água e luz no final do mês”, declarou um consumidor. Outro classificou de pouca vergonha, o momento que a população vive em decorrência dos constantes racionamentos de água e luz na cidade. “Não dá para acreditar que dois importantes serviços sejam tão deficientes como o fornecimento de água e luz na nossa cidade”, desabafou uma consumidora.

Energia

Em contato com o presidente do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saaee) de Alvorada D’Oeste, José Almeida, ele justificou a suspensão do abastecimento em decorrência do apagão ocorrido na tarde de terça-feira (17). Ele afirmou que sem energia, os motores que servem para operacionalizar as bombas coletoras da água, não funcionam. “Há energia somente no início da madrugada, e assim mesmo em meia fase, o que agravou ainda mais o problema, e a sua normalidade após as 13h de quarta-feira (18)”.

Retorno

Em decorrência de todo o problema causado pela falta de energia confiável, o presidente do Saae, José Almeida esclareceu que o abastecimento d’água chegou às torneiras de seus consumidores apenas a partir das 18h, e a sua normalidade após as 20h na chamada parte alta da cidade. No Distrito de Terra Boa, o presidente garantiu que o abastecimento já foi normalizado, e no Distrito de Tancredópolis o problema também ocorreu por causa da energia em meia fase. Ele anunciou que este distrito deve contar nos próximos meses com mais dois poços artesianos.

Números

Alvorada D’Oeste conta com uma população superior a nove mil habitantes, dos quais, 3,7 mil mil consumidores da Saae. A reportagem não conseguiu contato com a gerência regional da Eletrobras Distribuição Rondônia na cidade de Cacoal.



Escreva um comentário