21/04/2017 - 05:05:29 - Porto Velho - RO
min --º max --º
Carregando...

No facebook

Agora é só curtir!

No twitter

Siga-nos!

No YouTube

Assista nossos videos!

Cidades

Reunião vai definir sorteio de endereços

Prefeitura de Ji-Paraná vai definir funcionamento para o Residencial Capelasso.

Por Assessoria
A- A+

Publicado: 21/04/2017 às 05h05min

O residencial tem 800 casas construídas em terrenos individuais e infraestrutura exigida

Está marcada para a próxima terça-feira (25), em Porto Velho, uma reunião entre representantes da Caixa Econômica Federal com a secretária municipal de Assistência Social de Ji-Paraná (Semas), Sônia Reigota, e o coordenador estadual de Habitação do Governo de Rondônia, José Carlos Gadelha, visando a definição da data para realização do sorteio dos endereços do Residencial Capelasso, em Ji-Paraná.

O sorteio de endereços é uma etapa importante, pois definirá qual unidade vai ser destinada ao beneficiário. A partir dessa definição, o próximo passo será agendar as visitas aos imóveis para que sejam vistoriados pelos futuros moradores. “Após a verificação pelos moradores a Caixa Econômica deve realizar as assinaturas dos contratos e entrega das casas”, explicou Sônia Reigota.

Enquanto isso, a equipe técnica da Semas de Ji-Paraná e da Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas), está finalizando junto ao banco a análise dos documentos das 800 famílias sorteadas que vão morar no Residencial Capelasso.

Algumas famílias ainda não foram localizadas para que resolvam pendências de documentação. A Semas publicou um Edital de Notificação para que as pessoas compareçam à sede da Secretaria em Ji-Paraná, mas até agora pelo menos 50 pessoas não foram localizadas e correm o risco de perder o benefício. Uma equipe da prefeitura realizará visitas nos endereços informados no dia do cadastro, e caso não encontre os inscritos, convocará candidatos reservas.

O Residencial, que foi construído pelo Governo Federal em parceria com o Estado e prefeitura de Ji-Paraná, tem 800 casas construídas em terrenos individuais, duas escolas públicas, além de toda infraestrutura de asfalto, iluminação e praças de lazer. O imóvel tem sala e cozinha conjugada, dois quartos, banheiro social com sistema de aquecimento solar e área de serviço externa.

Os beneficiários também participarão do Projeto Técnico Social oferecido pelo Estado. (AI)


Escreva um comentário