Diário da Amazônia Nas mídias socias agora é só curtir seguir e assitir!
#EuCurto Diário da Amazônia
Capital

Viaduto deve ficar pronto este mês

O prefeito Hildon Chaves tem acompanhado de perto o andamento das obras.

Por Assessoria
A- A+

Publicado: 14/09/2017 às 05h10min

As obras estão sendo intensificadas para que o viaduto da BR-364 com a rua Três e Meio seja concluído dentro do prazo

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, visitou na manhã de ontem as obras de construção e montagem do viaduto da rodovia BR-364 com a rua Três e Meio, que devem ser concluídas em até vinte dias. Durante a visita, Hildon Chaves esteve acompanhado pelo responsável técnico pela obra, engenheiro Glauco Omar Cella, da Madecom Engenharia, de quem teve a garantia de que tudo ali estará pronto no final de setembro, prazo informado ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit).

Na ocasião, o prefeito afirmou que, depois de muitos anos com problemas de gestão e contratos, agora o viaduto ficará pronto, diminuindo a pressão de tráfego de veículos da rua Três e Meio e da avenida Jatuarana ao centro de Porto Velho, da BR-364, no sentido oeste-leste, além de melhorar também a movimentação dos veículos que vêm dos estados do Amazonas e do Acre.

Hildon Chaves explica que isso está sendo possível graças à disposição e o apoio de toda a bancada federal de Rondônia no Congresso Nacional, a exemplo do senador Ivo Cassol e do deputado Luiz Cláudio, para a obtenção de liberação de recursos federais, apesar da estagnação econômica brasileira e a escassez de dinheiro para investir em infraestrutura.

O prefeito da capital informou que tem mantido constantes viagens a Brasília para articular, com deputados federais e senadores, junto ao Dnit e ministérios, a garantia do dinheiro necessário para investir, além dos viadutos, em outras frentes de infraestrutura da cidade. Na visão do prefeito porto-velhense, as obras adicionais, nas marginais da BR-364 e também de acesso e saída ao bairro Nova Floresta e saída da Jatuarana pela Três e Meio ajudaram no reordenamento do trânsito e também em melhoria estética da região. Segundo o engenheiro Glauco Cella, as obras totais dos viadutos ficarão prontas ao custo de R$ 76 milhões.



Escreva um comentário