porto velho - ro, 26 Maio 2019 01:26:25

Carlos Sperança

coluna

Publicado: 21/03/2019 às 08h59min | Atualizado 21/03/2019 às 09h00min

A- A+

A preocupação climática

Debate e soluções A Amazônia está presente em um dos principais problemas da humanidade: a preocupação climática. Por isso, cuidar..

Debate e soluções

A Amazônia está presente em um dos principais problemas da humanidade: a preocupação climática. Por isso, cuidar dela é uma obrigação do mundo. Mas aproveitar as maravilhas é um dever das autoridades para vencer a pobreza crescente que grassa pelo país.

Desde Cabral há muito discurso sobre crescer com base nas riquezas da região. Exploradores miraram o aproveitamento dos recursos naturais da Amazônia. E tiveram sucesso, considerando que no primeiro ciclo da borracha a região contribuía com quase a metade do PIB brasileiro. Planos nunca faltaram – um deles, a criação da Zona Franca de Manaus, em 1967.

O que ainda falta para dar sustentação ao desenvolvimento em proveito do povo amazônico em particular e brasileiro em geral? Falta debater, mas em termos respeitosos. Buscar consensos e não se atirar a guerras de extermínio. Sem vencer os rancores da polarização será difícil unir a nação em torno de reformas viáveis. Isso é também necessário para vencer os gargalos logísticos e aproveitar melhor a Amazônia.

Para tanto, o remédio é a política, arte superior dos relacionamentos entre verdadeiros líderes. Sem ela e os pesos e contrapesos da democracia, as nações ficarão entregues ao egocêntrico exercício das tuitadas de sofá.

……………………………….

Cessão do prédio

A cessão o antigo prédio da Assembléia Legislativa para se transformar num reforço para o Pronto Socorro João Paulo II tem aprovação popular e se trata de uma medida importante para melhorar a esfera de saúde, tão combalida. Uma ação que pode indicar que o presidente da ALE Laerte Gomes e seus pares preocupados e comprometidos com um setor que entrou em colapso.

Um fogaréu

Muitos bombeiros buscam apagar o fogaréu instalado entre as relações dos Poderes Executivo e Legislativo nas últimas horas. Cada lado já colocou as cartas na mesa e o melhor para todo mundo é que haja um acordo. Falar em impeachment do governador Marcos Rocha é besteira, não existe fundamentos. Do lado do Legislativo, o que se espera é moderação no apetite por indicações a cargos de confiança no governo..

Crime organizado

Enuanto os políticos brigam a dentadas por mais poder, o crime organizado vai tomando conta dos conjuntos habitacionais da capital. Sem saúde, sem segurança publica e tampouco escolas e creches, os principais núcleos habitacionais de Porto Velho se transformaram em antros de traficantes, ladrões e assaltantes, se assemelhando ao cenário dos morros do Rio de Janeiro.

A redução

No Congresso Nacional começa a tramitar proposta para reduzir de 81 para 54 o numero de senadores. O projeto é de autoria do senador Álvaro Dias (Podemos-PR). Com isto, os 26 estados e o distrito federal passariam a eleger apenas dois senadores e não três como ocorre atualmente. Alvaro Dias justifica a iniciativa falando na necessidade do Legislativo dar exemplo, economizando divisas para o erário.

Muitas ratazanas!

Alguns vereadores tem descido o porrete no prefeito Hildon Chaves (PSDB) querendo transformar copo de água em cachoeira. Todos sabem que o nivel de sinceridade de alguns vereadores locais é menor do que a de ratazanas que perambulam as raras tubulações de esgoto da capital. Querem na verdade cargos comissionados, indicar secretários, vender de agulha a jatinho.  

Via Direta

*** O que os brasileiros podem esperar de uma Câmara de Deputados que trava até o pacote anticrime, destinado a melhorar a segurança no País? *** Nada mudou no Congresso, a coisa só funciona na base toma lá, dá cá *** Em Rondônia tem políticos assustados com o que chamam de “grampolândia” *** Em Rondônia, como se vê, o raio cai no mesmo lugar várias vezes *** Dizem que o ex-prefeito Jesualdo Pires virou secretário parlamentar do deputado Nazif em Brasilia. Bom reforço.


Escreva um comentário

Arquivos de colunas