porto velho - ro, 01 Novembro 2019 22:05:05
    Variedades

    ABRIR UMA LOJA VIRTUAL NA INTERNET É RÁPIDO?

    Descubra tudo sobre o processo de montar um e-commerce aqui no Brasil, avaliando se realmente vale a pena! Abrir uma loja virtual é um dos..

    Por Contrat: 54819
    A-A+

    Publicado: 01/10/2019 às 14h56min | Atualizado 01/10/2019 às 15h04min

    Descubra tudo sobre o processo de montar um e-commerce aqui no Brasil, avaliando se realmente vale a pena!

    Abrir uma loja virtual é um dos desafios dos empreendedores brasileiros, visto que ao iniciar qualquer negócio, há muitos fatores envolvidos.

    Assim, por mais que não se tenha a burocracia de um comércio tradicional, nesse processo rumo ao empreendedorismo é preciso ter todo cuidado a cada detalhe e etapa, ou seja, é um processo que envolve muita atenção.

    Por essa razão, saber como montar uma loja virtual na internet faz toda a diferença entre um negócio de sucesso e um fadado ao fracasso.

    Ficou com dúvidas sobre a viabilidade e praticidade ao abrir esse tipo de comércio eletrônico, não é mesmo?

    Pois saiba que é para ficar com um pezinho atrás mesmo, precisando então estar preparado para essa missão, visto que segundo um levantamento de 2018, haviam mais de 70 mil lojas online em nosso país.

    Por isso, a seguir mostraremos o passo a passo para abrir uma loja virtual, para que você possa construir o seu negócio da melhor forma possível, com agilidade e eficiência, pois afinal tempo é dinheiro!

    √  Procure associar o nome do seu negócio com a palavra-chave que define o seu nicho de atuação. Por exemplo: www.vicentestúdiofotográfico.com.br. Esse pequeno detalhe lhe ajudará a aparecer com mais facilidade nas buscas realizadas na internet.

    √  Escolha opções de nomes para a sua marca curtos e que seja fáceis de memorizar, tentando evitar caracteres especiais ou termos estrangeiros, pois isso dificulta a compreensão e também o seu posicionamento nos mecanismos de busca.

    √ Dê preferência por endereços virtuais terminados em .com.br, visto que esses garantem um melhor posicionamento, uma vez que os motores de busca conseguem identificar a localização do host mais facilmente.

     

    1.REGISTRO DO DOMÍNIO

    Decidir sobre o endereço de web da sua loja virtual é de extrema importância, pois será esse domínio (URL) que identificará o seu negócio entre os demais presentes no mercado.

    Então, para fazer uma escolha sábia, confira as seguintes dicas:

    √  Procure associar o nome do seu negócio com a palavra-chave que define o seu nicho de atuação. Por exemplo: www.vicentestúdiofotográfico.com.br. Esse pequeno detalhe lhe ajudará a aparecer com mais facilidade nas buscas realizadas na internet.

    √  Escolha opções de nomes para a sua marca curtos e que seja fáceis de memorizar, tentando evitar caracteres especiais ou termos estrangeiros, pois isso dificulta a compreensão e também o seu posicionamento nos mecanismos de busca.

    √  Dê preferência por endereços virtuais terminados em .com.br, visto que esses garantem um melhor posicionamento, uma vez que os motores de busca conseguem identificar a localização do host mais facilmente.

     

    2. ESTRUTURA DA PLATAFORMA E-COMMERCE

    Pensar sobre a plataforma da sua loja virtual e fazer uma parceria com a mesma, talvez seja uma das decisões mais importantes, pois será por meio dela que montará o seu negócio online.

    Sendo assim, é essencial que você tenha cuidado nessa etapa, escolhendo uma plataforma que gere a melhor experiência a seus clientes. Você deve considerar os seguintes critério:

    √  Plataforma: o ideal é que a mesma esteja pronta para o uso e que permita pequenosajustes e customizações. Não é interessante escolher uma de código aberto (necessitam da ajuda de um profissional de programação específico para a personalização), nem as desenvolvidas sob medida (são mais caras e suas funcionalidades de modo geral não se diferem das demais opções).

    √  Navegabilidade: é recomendado que você verifique se a sua página no site tem carregamento rápido, assim como se as opções do menu estão bem distribuídas e de fácil acesso, pois isso facilita na hora que o cliente for acessá-la.

    √  Funcionalidade: as funções da sua loja virtual são importantíssimas, tanto para você quanto para o consumidor. Assim, veja se os recursos disponíveis podem ser administrados com eficiência e se esses geram dados relevantes ao seu negócio, como relatórios, gráficos e outras formas de avaliação.

    √  Integração: manter uma integração entre os recursos é fundamental, especialmente quando o seu negócio começar a dar certo. Dessa forma, dê preferência para plataformas integradas, que automatizem tarefas, pois isso facilitará a sua vida e gestão.

     

    3. ESCOLHA DO DESIGN DA LOJA VIRTUAL

    A parte visual (template) do seu comércio eletrônico é de grande relevância, pois esse identificará a sua marca no mercado e chamará a atenção dos clientes.

    Por isso, se escolher por usar modelos layouts prontos (sem personalização), pode acabar fazendo com que sua identidade virtual seja semelhante à uma outra já existente.

    Então, o recomendado é que você prefira plataformas que permitam a customização do design, para que você adapte à sua loja virtual.

    Mas, não é somente isso, devendo prestar atenção a outros detalhes, tais como:

    √  Fontes: o tipo de letra usado no seu layout é importantíssimo. A dica é que escolha fontes limpas e básicas, como as letras cursivas, para que não prejudique a leitura do cliente na experiência mobile.

    √  Cores: as cores do seu e-commerce podem fazer toda a diferença em seu negócio. Assim, prefira uma paleta de cores com tons complementares, para criar uma harmonia. Evite cores fortes, contrastantes, brilhantes ou fosforescentes.

    √  Busca de produtos: é essencial que o seu modelo disponha de ferramenta para que o cliente busque na sua loja um produto de interesse, a fim de agilizar a navegação.

    √  Informações claras: escolha um template completo, ou seja, que informe o preço do produto, suas descrições técnicas, as opções de frete e pagamento, enfim.

     

    4. CADASTRO DOS PRODUTOS OU SERVIÇOS

    Após estruturar e saber como abrir uma loja virtual, é preciso começar o cadastro dos produtos ofertados.

    Por mais que essa seja uma das etapas mais esperadas por qualquer empreendedor, saiba que não é uma tarefa tão simples quanto se pensa.

    Então, confira alguns critérios que você deve prestar atenção:

    √  Fotos: as fotos disponíveis do produto devem ter boa resolução, mas nem tanto, pois dificulta o carregamento na página. O ideal é que se tenha fotos com resolução de 72 pixels em média e que essas apresentem todos os ângulos do produto.

    √  Ficha técnica: especificar os detalhes técnicos do seu produto é essencial para converter a venda, pois serão essas informações que farão o cliente se decidir por comprar ou não.

    √ Descrição: mesmo que você não tenha grandes habilidades na apresentação do produto, é preciso aprender. O recomendado é que se faça uma descrição com um texto curto e simples de se ler, além claro de ser interessante e agradável, despertando o desejo pela compra.

     

    5. DIVULGAÇÃO DO E-COMMERCE

    Prontinho, sua loja virtual está toda configurada. Agora é o momento de realmente começar a divulgação, devendo apostar em um bom marketing digital para garantir o sucesso de vendas.

    Mas, afinal, por onde começar? É simples:

    √  Links patrocinados

    √  Inbound marketing

    √  Redes sociais

    √  Campanhas de e-mail marketing

    Bom, o que achou até agora? Acredita que pode encarar tudo isso? Confia no seu potencial e habilidades para fazer o seu e-commerce dar certo?

    É preciso pensar muito bem em tudo isso antes de simplesmente decidir abrir uma loja virtual, pois além de todo esse processo inicial, ainda é preciso se preocupar com o estoque, gestão do seu negócio, divulgação constante, fluxo de caixa e etc.

    Mas, apesar de tudo isso, saiba que o varejo online é sim muito rentável e uma aposta promissora para os negócios atuais, visto que a maioria das pessoas compram exclusivamente pela internet.

    Basta que você esteja preparado para essas etapas e entenda que assim como qualquer outro negócio, é fundamental ter paciência e dedicação, pois não é um processo tão rápido assim!



    Escreva um comentário