porto velho - ro, 22 Setembro 2019 18:12:36

    CarlosSperança

    coluna

    Publicado: 09/03/2019 às 17h18min

    A-A+

    Ações policiais e militares

    Um “radical”, o marechal Deodoro se opunha agressivamente à proposta de transferir funções policiais aos militares. Considerava-a um..

    Um “radical”, o marechal Deodoro se opunha agressivamente à proposta de transferir funções policiais aos militares. Considerava-a um “rebaixamento” da classe. Se isso acontecer, disse, “quebrarei minha espada e, envergonhado, irei procurar, como meio de vida e a exemplo de muitos, uma cadeira de deputado, para também poder insultar a quem quer que seja”.

    O ministro da Defesa do Peru, José Huerta, anunciou há pouco a instalação da primeira de prometidas quatro bases militares na reserva natural amazônica de Tambopata sob a justificativa oficial de combater a mineração ilegal, principal causa do desmatamento causado na região.

    Assim, quase um século e meio depois que Deodoro ameaçou quebrar a espada militar e virar deputado, volta ao centro do debate à discussão sobre a conveniência ou equívoco de transferir tarefas policiais a quadros militares treinados para fazer a guerra contra inimigos estrangeiros.

    Com o risco de precipitar ilações, cabe assinalar que o anúncio do governo peruano vem em cima da decisão dos nossos militares de não permitir o uso do território brasileiro para ações militares estrangeiras.

    O problema da Venezuela ainda dará muitas dores de cabeça à América do Sul novamente alvejada pelo apetite dos EUA.

    ………………………………

    Pensando naquilo

    Bastou o primeiro périplo do ex-governador e atual senador Confúcio Moura (MDB) pelo estado de Rondônia depois da eleição de 2018, para ele ser apontado como possivel postulante ao CPA, atualmente nas mãos do coronel Marcos Rocha (PSL) – que nos bastidores se acredita terá apenas um único mandato. Ele, El Carecón, só pensa naquilo, ou, seja, na volta, ao CPA, segundo amigos próximos.

    É mistério?

    As autoridades policiais de Rondônia investigam o roubo ocorrido recentemente de quase 1000 hidrômetros- aquele equipamento para medir o consumo de água – dos depósitos da Caerd. Não bastasse esta desgraceira, a autarquia também tem prejuizos na capital com um verdadeiro recorde de furtos do aparelho defronte as residências. Tudo pelo cobre que é vendido a receptadores.

    Um novo Jesus!

    Depois de seis anos paralisado por falta de patrocinio e seu Jesus Cristo (o ator da peça, né?) ter se bandeado para o Acre, o grupo Exodo volta a encenar em junho o espetaculo o “Homem de Nazaré. Um novo Jesus (outro ator…) foi convocado para emocionar Rondônia na peça que tradicionalmente é apresentada na cidade cenográfica Jerusalém da Amazônia, onde reside o antigo Jesus com sua familia.

    Sem laranjas

    O emprsário Jayme Bagatolli, que por pouco não tirou Confucio do Senado, esta indignado com a acusação de que o PSL virou um laranjal. Confidenciou a amigos que pretende ir a Brasilia tirar a coisa a limpo, pois em Rondônia ele tirou do bolso os recursos para sua campanha e ainda apoiou o atual governador e aliados. Se descobrir “laranjas” por aqui, Bagatolli quer saber para onde foram estes recursos.

    Caso da Ponte

    O Movimento Brasil Live de Porto Velho denunciou pelas mídias sociais o envolvimento do deputado estadual Ezequiel Neiva no chamado escândalo da ponte. Neiva que também participou de outros esquemas – tem ainda o caso do Parque Alternativo – foi eleito justamemnte para a Comissão de Finanças e Orçamento da Assembléia Legislativa. O MBL sugere que é…Coisa de louco!

    Via Direta

    *** O ex-governador tampão Daniel Pereira, o Pereirinha (PSB) esta chutando seu projeto político para 2022, para disputar o Senado ou o governo de Rondônia *** Sob nova direção, o Diretório Municipal do PDT de Porto Velho esta retomando suas atividades *** Candidatos predadores dos vereadores da capital já estão na ativa acreditando em elevado percentual de renovação das 21 cadeiras *** Serão chupins substituindo chupins? ***Ocorre que as novas legislaturas só têm piorado as casas legislativas…


    Escreva um comentário

    sobre Carlos Sperança

    Um dos maiores colunistas político do Estado de Rondônia. Foi presidente do Sinjor. Foi assessor de comunicação do governador José Bianco entre outros. Mantém uma coluna diária no jornal Diário da Amazônia.

    Arquivos de colunas