Porto Velho/RO, 13 Setembro 2021 22:14:08
Diário da Amazônia

Agosto foi mês menos letal da pandemia em 2021

Óbitos causados pela doença caíram mais de 88%

A-A+

Publicado: 13/09/2021 às 22h14min

Agosto se confirmou como o mês menos letal do ano da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), em Ji-Paraná. No último mês, 14 óbitos foram registrados no município, em decorrência da doença.

Os números referentes ao mês de agosto foram computados na sexta-feira (10), pela Divisão de Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), levando em conta a retroalimentação realizada após o fechamento do mês.

O Prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca (MDB), comemorou a queda no número de casos e óbitos decorrentes da Covid-19 no município. Porém, o chefe do Executivo destacou que é importante não descuidar das medidas de prevenção à doença.

“Os números da Covid estão caindo em Ji-Paraná, mas não podemos relaxar. A Variante Delta está circulando no Brasil e não podemos dar brecha para uma terceira onda de Covid em nosso município”, alertou Isaú Fonseca.

Se comparados com os números de julho, quando 15 pessoas perderam a luta para a doença, a queda no número de óbitos foi de 6,60%. Porém, quando a comparação é feita com os dados de março, mês mais letal desde o início da pandemia, quando o município registrou 125 mortes pela doença, a queda é de mais de 88%.

Em relação aos novos casos, em agosto foram 847 novos registros da doença em Ji-Paraná, contra 972 casos no mês de julho. No pior mês da pandemia no município, em março de 2021, foram 3.969 novos registros. Em comparação ao mês de março, tivemos uma queda de aproximadamente 78%.

As internações de pacientes com Covid-19 também estão diminuindo no Hospital Municipal Dr. Claudionor Couto Roriz. Em 10 de abril, o HM recebeu 86 pacientes em tratamento contra a doença. Neste sábado, 11 de setembro, oito pacientes estavam internados, sendo quatro no Enfrentamento Covid e outros quatro na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). A queda no número de internações no HM, neste período, foi de mais de 90%.

Vacinação

Até esta sexta-feira, Ji-Paraná já havia vacinado cerca de 85 mil pessoas com a primeira dose, o que representa mais de 65% da população, de acordo com a estimativa populacional realizada pelo Instituto de Geografia e Estatística (IBGE).

Aproximadamente 35 mil pessoas receberam a segunda dose, ou a vacina de dose única, em Ji-Paraná, representando cerca de 27% da população do município. A titular da Semusa, Wanessa Oliveira e Silva, destacou que a queda no número de casos está diretamente ligada ao avanço da vacinação no município.

“Desde que o Prefeito Isaú Fonseca assumiu, ele sempre destacou que a Saúde é a prioridade da Administração Municipal. Por isso, aceleramos nosso ritmo de vacinação, quebrando recordes a cada drive-thru que realizamos. Chegamos a vacinar mais de oito mil pessoas em apenas um dia. Essa foi uma determinação direta do prefeito Isaú, que Ji-Paraná acelerasse a vacinação, para que mais pessoas fossem vacinadas, no menor espaço de tempo possível”, afirmou Wanessa.

(A.I)

 



Deixe o seu comentário