Porto Velho/RO, 14 Outubro 2021 13:14:55

SolanoFerreira

coluna

Publicado: 14/10/2021 às 13h14min

A-A+

Avanço da vacinação garante a retomada segura

Os resultados do avanço da vacinação no País mostram que a imunização da população é a forma mais eficaz para conter a pandemia do..

Os resultados do avanço da vacinação no País mostram que a imunização da população é a forma mais eficaz para conter a pandemia do novo coronavirus e diminuir as mortes por covid-19. Além do número de mortes, as internações em UTIs (Unidades de Tratamentos Intensivos) vem diminuindo de forma expressiva. A recente decisão do Plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) referendou decisão liminar do ministro Ricardo Lewandowski no sentido da competência dos estados, do Distrito Federal e dos municípios para imunizar adolescentes de 12 a 17 anos contra a covid-19. Isso deve ampliar a cobertura de proteção da população, mostrando que somente as vacinas tem eficácia contra a pandemia.

Os bons resultados estão animando os brasileiros e os reflexos na economia já são percebidos com melhoras em diversos segmentos, apesar dos índices ainda não serem satisfatórios como as primeiras projeções. O Brasil deve ter um crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) muito abaixo do previsto inicialmente e a inflação continua sufocando o consumo. 

Em Rondônia, os dados de vacinação oscilam são ainda bastante lentos com muita gente recusando tomar os imunizantes. Somente em Porto Velho, mais de 70 mil pessoas em idades vacinais, simplesmente não comparecem nos locais e não tomaram nenhuma das doses previstas.

Os pequenos municípios são os mais organizados no sentido de atingir as metas. Dentre os oitos municípios com mais de 50% das populações vacinadas com as duas doses, não aparecem nenhuma das grandes cidades. Nesta lista aparecem como eficientes na vacinação: Castanheiras – 62,60%, Santa Luzia do Oeste – 57,50%, Teixeirópolis – 54,83%, Alto Paraíso – 53,92%, Governador Jorge Teixeira – 53,77%, Pimenteiras do Oeste – 52,28%, Cabixi – 51,20% e Primavera de Rondônia – 50,22%. 

O mérito desses resultados vem de fatores como a conscientização da população e o comprometimento das equipes de vacinação que se esforçam para alcançar o maior número de vacinados em menor tempo. Esses modelos indicam que, quanto maior for o comprometimento geral, melhores serão os resultados e mais protegidos estarão os moradores. 


Deixe o seu comentário

sobre Solano Ferreira

Editor-Chefe do Diário da Amazônia. Comunicador Social e Marketing/ Mestre em Geografia. Atua na Gestão Estratégica e Gerenciamento de Crise.

Arquivos de colunas