Porto Velho/RO, 14 Setembro 2021 10:12:44

CarlosSperança

coluna

Publicado: 14/09/2021 às 10h06min | Atualizado 14/09/2021 às 10h12min

A-A+

Bolsonaro e Lula devem estar com as barbas de molho temendo um candidato de terceira via

Em pratos limpos A carta à nação publicada pelo presidente Jair Bolsonaro depois das ruidosas manifestações a favor e contra o governo..

Em pratos limpos

A carta à nação publicada pelo presidente Jair Bolsonaro depois das ruidosas manifestações a favor e contra o governo em 7 de setembro ajeita o cargueiro e repõe o Brasil no caminho necessário: a democracia, que implica harmonia e interdependência entre os poderes constituídos em respeito à Constituição. É legítimo discordar, não desobedecer. É justo se manifestar, não ameaçar. Com tudo posto em pratos limpos, estancando os rancores “ideológicos” será possível focar nos problemas reais e passar a unir esforços em favor de soluções.

Energia e recursos hídricos, por exemplo, mexem com a vida de todos. Precisam ser equacionados de imediato, sem gritarias nem impasses, porque envolvem além das questões ambientais e climáticas, a produção de alimentos, o custo de vida e a inflação. Não se justifica brincar de eleição em ano não eleitoral e ignorar os problemas explodindo à nossa volta, tirando o corpo fora com negacionismo, omissão e acusações a supostos culpados.

Rumo às correções, só ações resolutivas merecem aplausos. Nesse sentido, o Ministério do Meio Ambiente dobrou o orçamento para a fiscalização de crimes ambientais e contratou mais servidores para as agências ambientais. É pouco, mas é parte de um conjunto de ações concretas visando a uma boa participação na conferência do clima (COP26), em novembro. Nela, a tarefa central é melhorar a imagem do país para que investidores, turistas e clientes voltem a confiar no Brasil.

………………………………………………………………………..

Diário, 28 anos

Com a presença de diretores, corpo de funcionários, fornecedores e convidados, o Diário da Amazônia comemorou nesta segunda-feira com um café da manhã e exposição de fotos históricas seu 28º aniversário de fundação. De Cascavel, o diretor presidente Assis Gurgacz enviou mensagem lembrando a epopeia e enfatizando a data comemorativa. O senador Acir Gurgacz falou da trajetória bem-sucedida do jornal que segue refletindo as causas de Rondônia e as bandeiras da região amazônica. Foi uma confraternização aprazível reunindo os novos e antigos funcionários do SGC, e no meu caso uma oportunidade para rever amigos e colaboradores.

Os borburinhos

Aproveitei a festa do Diário para ver em quantos anda a política com ilustres convidados, como o ex-governador Daniel Pereira. Ele ainda não definiu as alianças do seu partido, o Solidariedade e o cargo que ele vai disputar na eleição do ano que vem. Sobre o prefeito Hildon Chaves tive informações contraditórias: gente afirmando que ele é candidato ao governo tendo como vice o ex-prefeito de Ji-Paraná Jesualdo Pires, e seguidores dizendo que não, que Hildon apoia o senador Marcos Rogério na empreitada ao Palácio Rio Madeira, indicando sua esposa Ieda Chaves de Vice. E durma-se com um barulho destes!

A terceira via

Conforme pesquisas recentes, boa parte do eleitorado brasileiro está esperando uma terceira via para o pleito presidencial como opção ao projeto de reeleição do presidente Jair Bolsonaro e ao ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT). Existem alguns motivos para tanto: desde que Bolsonaro rompeu com o ex-ministro da Justiça Sérgio Moro e se uniu ao famigerado centrão, uma coalizão de partidos envolvidos até o talo em rapinagem, perdeu o discurso contra a corrupção. Lula já tinha perdido há tempo esta condição de paladino da moralidade com tantos dirigentes e ex-ministros do seu governo presos por desvios de recursos.

Uma aposta

Por conseguinte, uma possível terceira via terá que surgir com o compromisso de levar adiante o combate a corrupção paralisado desde a união Bolsonaro/Centrão cuja aliança transformou os xerifes em bandidos e os bandidos em xerifes, como ocorreu na Itália na Operação Mãos Limpas que inspirou a Laja Jato, cuja ação recuperou bilhões de reais ao País e tem sido malhada por bolsonaristas e petistas enrolados. Seguir recuperando divisas que estão ocultas no exterior é preciso, ainda mais numa crise que o pais se encontra necessitando combater a miséria e a fome.

Um indicativo

Um indicativo da tendência de uma terceira via é o MBL, o Movimento Brasil Livre nas ruas, que já deixou claramente sua rejeição contra as presenças de bolsonaristas e petistas neste movimento de renovação na política brasileira. Não se sabe quem ainda quem será o candidato da terceira via, já que existem vários nomes lançados, mas tanto Bolsonaro e Lula já devem estar com as barbas de molho. O eleitorado brasileiro está buscando as alternativas para contornar a polarização raivosa que tomou conta do País cada vez mais fracionado e desunido.

Via Direta

*** Não é à toa que novos supermercados, atacadistas e lojas de eletrodomésticos tem se instalado em Porto Velho*** Rondônia tem liderado os índices do movimento comercial na Região Norte, com indicativos bem acima dos estados vizinhos *** Com isto, a rede Meta 21 inaugurou sua terceira unidade na capital. A Nova Era se prepara para abrir mais uma loja, o Atacadão Assai está em obras para um megaempreendimento*** Cadeias de eletrodomésticos, como a Novalar de Ariquemes, e a Taymax de supermercados de Ji-Paraná desembarcaram na capital já fazendo barulho e com o grupo Oliveira em plena expansão *** Com tudo isto temos mais empregos, mais opções para os consumidores com tantas alternativas lançadas nos últimos meses. Porto Velho reagiu após os momentos mais difíceis do coronavirus.


Deixe o seu comentário

sobre Carlos Sperança

Um dos maiores colunistas político do Estado de Rondônia. Foi presidente do Sinjor. Foi assessor de comunicação do governador José Bianco entre outros. Mantém uma coluna diária no jornal Diário da Amazônia.

Arquivos de colunas