Porto Velho/RO, 29 Abril 2020 14:15:44
Política

Bolsonaro mantém posse de ministros e discute o que fazer na PF

Bolsonaro mantém posse de ministros de Justiça e AGU e discute o que fazer sobre revés na PF

A-A+

Publicado: 29/04/2020 às 14h15min

O Palácio do Planalto pretende manter para a tarde desta quarta-feira (29) a posse de André Luiz Mendonça como ministro da Justiça e de José Levi como novo Advogado-Geral da União (AGU).

A solenidade já estava prevista na agenda do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para as 15h e incluiria também a posse de Alexandre Ramagem como diretor-geral da Polícia Federal.

Pela manhã, porém, o ministro Alexandre de Moraes, do STF (Supremo Tribunal Federal), suspendeu a nomeação de Ramagem.

Moraes atendeu a um pedido do PDT, que entrou com um mandado de segurança no STF alegando “abuso de poder por desvio de finalidade” com a nomeação do delegado para a PF.

A nomeação de Ramagem, amigo do clã Bolsonaro que era diretor-geral da Abin (Agência Brasileira de Inteligência), motivou uma ofensiva judicial para barrá-la, tendo em vista os interesses da família e de aliados do presidente em investigações da Polícia Federal.

No sábado (25), a Folha de S.Paulo mostrou que uma apuração comandada pelo STF, com participação de equipes da PF, tem indícios de envolvimento de Carlos em um esquema de disseminação de fake news.A AGU informou que já foi notificada da decisão de Moraes, mas, até o início da tarde, ainda estudava como iria reagir.

No Palácio do Planalto, voltou a circular o nome de Anderson Torres, secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, que já vinha sendo cotado para o cargo, mas acabou preterido.

Bolsonaro, porém, ainda insiste em na ideia de nomear Ramagem para o cargo.

FONTE: Notícias ao Minuto



Deixe o seu comentário