Porto Velho/RO, 02 Fevereiro 2020 10:56:34
    Política

    Bolsonaro provoca Macron sobre incêndios na Austrália

    Presidente endossou, na primeira live do ano, as alfinetadas de seu ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, ao presidente francês

    A- A+

    Publicado: 03/01/2020 às 11h47min

     Imagem Ilustrativa

    O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) repetiu, nesta quinta-feira (02/01/2019), as cobranças de seu ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), de um posicionamento do presidente francês, Emmanuel Macron, sobre os incêndios na Austrália. Durante a primeira live do ano em seu Facebook, ele provocou: “O Macron falou alguma coisa até agora?”.

    “Ele falou em colocar em dúvida a soberania da Austrália?”, ironizou o presidente. Bolsonaro também voltou a citar a ativista sueca Greta Thunberg, cobrando posicionamento também dela, que chamou de “menina pequenininha” e, novamente, de “pirralha“.

    Segundo Bolsonaro, ele autorizou os ministérios da Defesa e das Relações Exteriores a enviar ajuda financeira para que a Austrália possa conter os incêndios. “O pouco que temos estamos colocando para ajudar. Quando foi aqui, até pelo nosso tamanho, qualquer ajuda não é o suficiente, mas nos conforta, então o Brasil acabou de fazer o mesmo.”

    Ministro
    Onyx fez as cobranças também nesta quinta-feira (02/01/2020), via Twitter, inclusive em francês. Na rede social, ele lamentou a “perda de vidas” com os incêndios na Austrália, mas disse ser preciso “registrar o silêncio ensurdecedor” de Macron e da “Europa verde”.

    O ministro de Bolsonaro também acusou Macron de “capitanear” a propagação de “fake news”. “O silêncio de Macron e dos verdes europeus é a prova de que nunca se tratou de preservação ambiental, e sim de ideologia e mentiras”, escreveu ele.

    FONTE: Metrópoles



    Deixe o seu comentário