Porto Velho/RO, 06 Fevereiro 2020 14:31:44

    J.Nogueira

    coluna

    Publicado: 06/02/2020 às 14h31min

    A-A+

    BR- 364 – A restauração sendo levada pelo inverno

    Até dois meses atrás fazer uma viagem entre Ji-Paraná e a Capital Porto Velho, levaria no máximo quatro horas, em veículo de passeio,..

    Até dois meses atrás fazer uma viagem entre Ji-Paraná e a Capital Porto Velho, levaria no máximo quatro horas, em veículo de passeio, e de ônibus, cinco horas. Essa rapidez, somente era possível graças ao trabalho de restauração realizada pelas empresas contratadas pelo governo Federal. Mas, bastou começar o chamado inverno amazônico para logo surgir, os conhecidos buracos (verdadeiras crateras), que na sua maioria, aparecem praticamente, nos mesmos pontos conhecidos.
    Para quem é usuário da rodovia federal, dentro do Estado, já sabe que é preciso conduzir o veículo com bastante atenção, e mesmo assim, sujeito a ser surpreendido com um novo buraco que põe em risco a segurança do automóvel e a vida de seus ocupantes. A região de entrada e saída de Ariquemes, continuar sendo os pontos considerados mais perigosos.
    Outra vergonha, fica por conta das obras dos postos de fiscalização das delegacias da Polícia Rodoviária Federal (DPRF). No posto de Ji-Paraná, por exemplo, há meses a estrutura cedeu em cima de um ônibus, e a obra, ainda, não foi retomada. Já na obra da PRF em Jaru, o desvio do veículo é bem pior que muitas estradas rurais, sem manutenção há anos. Esse nosso Brasil que não muda nunca!
    FILA
    Apesar dos esforços do município e estado com o dispositivo Online Vagas de Reservas, pais de estudantes de decidiram pernoitar no pátio da escola estadual 28 de Novembro, em Ouro Preto, em busca de uma vaga. A fila foi iniciada pela atendente de lanchonete, Juliana Gonçalves que buscava matricular a filha no 9° Ano, que estuda em outra escola na cidade.

    CONVOCADOS

    A Agência de Defesa Sanitária do Estado (Idaron) convocou sete candidatos veterinários, aprovados em Processo Seletivo, para tomar posse de forma imediata. O processo, realizado em dezembro de 2019, oferece salário de R$ 4 mil, mais auxílio alimentação e saúde. Os convocados são para atuarem em Alta Floresta, Jaci-Paraná, Jacynópolis, Nova Dimensão e Turilândia.

    INADIMPLENTE

    A prefeitura de Ouro Preto, já inadimplente de último dia 28 de janeiro. A inadimplência é com o Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município (IPSM) em razão de uma dívida superior de R$ 3.1 mi, e mais multas, juros e correção referentes ao pagamento da cota patronal dos servidores público, não quitada integralmente durante os últimos sete meses.

    EMPRÉSTIMO

    As sessões do Poder Legislativos de Theobroma, começou esta semana, e apenas uma ausência registrada. Já na primeira reunião, o Poder Executivo conseguiu autorização para fazer empréstimo junto à Caixa Econômica Federal (CEF), no valor de R$ 4.5 mi. O dinheiro será usado para a instalação de uma Usina de Produção de Etanol, a base de Batata-Doce.

    TRAVOU

    A prefeitura Jorge Teixeira, informou que seu sistema de informática e finanças, atacado por hackers, deixando todos os seus os computadores sem acesso a central administrativa. O secretário de administração, Fábio de Pádua disse que a invasão começou próximo das 18h, bloqueando o acesso ao sistema. A preocupação da secretaria da Fazenda, Hozana Reis é com a questão da folha de pagamento.


    Deixe o seu comentário

    Arquivos de colunas