Porto Velho/RO, 10 Dezembro 2019 17:45:43
    Geral

    Brasil ocupa 116ª posição no ranking mundial da paz

    Nicarágua foi o país que mais desceu de nível. Países europeus estão entre os mais pacíficos

    Por Metrópoles
    A-A+

    Publicado: 12/06/2019 às 14h59min

    O Brasil caiu dez posições no Índice Global da Paz 2019 e passou a ocupar a 116ª colocação no ranking mundial. A 13ª edição do relatório, divulgado nesta quarta-feira (12/06/2019) em Londres, capital da Inglaterra, e elaborado pelo Instituto para Economia e Paz, também mostrou que a Nicarágua foi o país que mais piorou o seu nível de paz no ano passado, passando para 120ª posição de 163 países listados.

    Com a queda de dez posições, o Brasil ocupa a classificação de “risco médio à paz”. O relatório ainda aponta que nove dos indicadores do Brasil tiveram queda acentuada. O país aparece entre os dez países com as maiores taxas de homicídio, sem perspectiva de melhora. Segundo o relatório, o custo econômico da violência no Brasil, incluindo gastos diretos e indiretos, superou os US$ 297 bilhões (equivalente a R$ 1,15 trilhão) em 2018 – o mesmo que o governo pretende economizar no prazo de dez anos com a reforma da Previdência.

    Na América Latina, o destaque negativo foi mesmo a Nicarágua. O país enfrenta uma onda de repressão e manifestações contra o regime de Daniel Ortega. Honduras, Venezuela e Cuba também apresentaram quedas.

    Top 5
    De acordo com o estudo, quatro dos cincos países mais pacíficos estão na continente europeu. Além da Nova Zelândia, que ocupa a segunda posição e se situa na Oceania, Islândia (1ª), Portugal (3ª), Áustria (4ª) e Dinamarca (5ª) estão no alto do tabela do Índice da Paz.

    No outro extremo, os países menos pacíficos estão majoritariamente no Oriente Médio. Em ordem, são eles: Iraque, Iêmen, Sudão do Sul, Síria e Afeganistão.



    Deixe o seu comentário