Porto Velho/RO, 31 Agosto 2021 13:20:08

CarlosSperança

coluna

Publicado: 14/08/2021 às 10h08min | Atualizado 14/08/2021 às 10h09min

A-A+

Câmara dos Deputados salva os micro partidos com o mecanismo “federação dos partidos”

Conexão é informação O negacionismo, que despreza os fatos, e a inundação de fake news cultivada na Era Trump causaram graves..

Conexão é informação

O negacionismo, que despreza os fatos, e a inundação de fake news cultivada na Era Trump causaram graves prejuízos à saúde e levaram os iludidos a sujeitar suas vidas a mentiras e ilusões. Os prejuízos materiais podem ser revertidos em parte com cuidados para não cair mais em pegadinhas espalhadas por robôs de WhatsApp, mas as vidas perdidas e as sequelas permanentes resultantes de tratamentos inadequados não podem ser reparadas.

Se em tudo é possível encontrar uma lição ou valor importante, o negacionismo e as fake news tiveram como efeito salutar a importância para os empresários mais esclarecidos de obter a melhor informação. Quem não quer prejuízos com indicações enganosas tem certeza de que só a informação exata e profissional evita prejuízos nos negócios e investimentos.

Pesquisa da Coalizão Brasil, Clima, Florestas e Agricultura aponta que antes de investir o setor privado se informa bem sobre o desmatamento. Cerca de 90% dos executivos consultam dados a respeito para tomar decisões, o que requer conectividade perfeita e informação precisa. Daí a importância do evento Conecta Sebrae – Agrolab Amazônia, iniciado com etapas estaduais que detonam o aquecimento do fervilhar de ideias. Tudo vai aprimorado e enxuto ao evento central, a segunda edição do Agrolab Amazônia, previsto para 14 a 16 de setembro. Conexão é informação e conhecimento, sementes do futuro. 

……………………………………………………………………..

Os cassados

A justiça apertou e finalmente a Assembleia Legislativa está cumprindo as decisões emanadas do supremo com relação as punições dos deputados cassados. A primeira medida foi dar posse a Ribamar Araújo na vaga de Aelcio da TV (PP), a segunda decisão a ser cumprida será na próxima semana, com o afastamento do deputado Edson Martins (MDB) que cederá a cadeira ao ariquemense Saulo Moreira. Ainda ficarão duas pendências na Comissão de Ètica: uma sobre o caso das propinas envolvendo o deputado Lebrão (MDB) e a punição por falta de decorro ao deputado Geraldo da Rondônia (PSC).

As festividades

Se a pandemia do covid amenizar até o mês que vem será possível então comemorar melhor mais um aniversário do Diário da Amazônia em setembro, em cujo mês também os rondonienses festejam a criação do Território Federal do Guaporé e a fundação da TV Rondônia, afiliada da Rede Amazônica de Televisão. Como em todos os anos, teremos exposição fotográfica com imagens desde o início das atividades em 1993, naquela prestigiada inauguração com o então governador Oswaldo Piana Filho e o prefeito da época em Porto Velho, José Guedes.

Monte Sinai

Depois de encaminhar soluções para os casos de despejos nos bairros formados a partir de invasões, Porto Cristo e Renascer, a Câmara de Vereadores de Porto Velho convocou audiência pública para tentar equacionar as pendencias de regularização fundiária no bairro Monte Sinai. O presidente da Casa de Leis Edwilson Negreiros está otimista quanto ao fim do impasse, cujo entrave poderia resultar na retirada dos moradores que já estão há quase 15 anos instalados naquela área, objeto de disputa judicial. Tantos outros bairros sofrem com o problema de regularização e estão também no aguardo de soluções.

Siglas de aluguel

Para facilitar a vida dos pequenos partidos ameaçados de extinção pela clausula de barreira, a Câmara dos Deputados aprovou durante a semana o mecanismo denominado de “federação de partidos”, que permite a união de siglas mesmo com diretórios municipais, estaduais e nacional diferentes. Como não existe objeções no Senado quanto a proposta, ela terá sua tramitação agilizada para a devida sanção presidencial. As legendas de aluguel estão salvando a pele, pois teremos também podem voltar as coligações nas eleições do ano que vem. 

As ciclovias

Em vista do fenomenal aumento do número de ciclistas em Porto Velho ao longo da pandemia, que se espicha para quase um ano e meio, a prefeitura da capital rondoniense estuda a implantação de ciclovias em vários pontos da capital. Uma delas, conforme anuncia o secretário municipal de  transito e mobilidade urbana, Ronaldo Flores, ligando o Parque da Cidade ao Espaço alternativo e outra no meião da avenida Jorge Teixeira, onde o transito pesado tem ocasionado muitos acidentes com ciclistas. Os projetos técnicos estão em andamento.

Via Direta

*** A Rede TaiMax de supermercados, com matriz em Ji-Paraná, está instalando sua primeira unidade em Porto Velho*** Está ocupando as antigas dependências do Supermercado Gonçalves, no bairro Olaria, na Avenida Abunã. As reformas estão a pleno vapor*** Também a unidade leiloada do Bairro Aponiã do Gonçalves entrou em reforma, não se sabe ainda quem ganhou aquele pregão ***Começou a Operação Modo Avião, pelo Departamento Penitenciário –DEPEM para acabar com a farra dos celulares nos presídios.*** É mais fácil galinha criar dentes do que resolver esta questão, pois as penitenciárias são comandadas pelas facções criminosas e lá funcionam seus escritórios do crime*** Mesmo encarcerados os criminosos comandam em todo País o tráfico de drogas e de armas oriundas do Paraguai, da Bolívia e da Colômbia.


Deixe o seu comentário

sobre Carlos Sperança

Um dos maiores colunistas político do Estado de Rondônia. Foi presidente do Sinjor. Foi assessor de comunicação do governador José Bianco entre outros. Mantém uma coluna diária no jornal Diário da Amazônia.

Arquivos de colunas