Porto Velho/RO, 25 Setembro 2021 09:19:32

JoséLuiz

coluna

Publicado: 25/09/2021 às 09h19min

A-A+

Campo & Lavoura

Intercambio! Uma equipe composta por 40 técnicos do estado Amazonas, liderados pelo secretário de Produção Rural do daquele estado,..

Intercambio!

Uma equipe composta por 40 técnicos do estado Amazonas, liderados pelo secretário de Produção Rural do daquele estado, Petrúcio Magalhães visitaram nesta semana diversos órgãos ligados ao setor produtivo em Rondônia, com objetivo de adquirir conhecimentos sobre as atividades dos pequenos e médios agronegócios desenvolvidos aqui fortalecendo o intercambio entre os dois estados. Na Secretaria de Agricultura (SEAGRI) conhecera o processo aplicado para o desenvolvimento de agroindústrias e apoio agricultura familiar com uma explanação do secretário Evandro Padovani.

Outras atividades

Acompanhados pelo presidente da Organização das Cooperativas de Rondônia (OCB) Salatiel Rodrigues, o grupo conheceu como funciona na prática o sistema de cooperativista neste estado. Ao programa “Campo e Lavoura” na Rede TV! Petrucio Magalhães frisou que as visitas técnicas foram importantes para fortalecer o conhecimento nas atividades rurais, uma vez que no estado do Amazonas são investidos por ano R$ 14 milhões pelo PAA (Programa de Aquisição de Alimentos).

Pelos rios!

Petrucio Magalhães esclareceu que no Amazonas, praticamente toda produção agrícola é transportado e até os pontos de comercialização, pelos rios em pequenas e médias embarcações, tendo em vista que o sistema fluvial por lá ainda é o único meio de transportes, entre os centros consumidores as áreas rurais. No ponto de vista do Secretário, a comitiva levará conhecimento a ser aplicados na pratica melhorando o sistema produtivo, aos pequenos agricultores naquele estado.

Para refletir…!

A partir da metade do século XX, 1,2 milhões de produtores rurais abandonaram o Rio Grande do Sul e passara a produzir em outras fronteiras, isso é mais do que 10% da população daquele estado. O destino e a história dessa massa humana que se movimentou de maneira pacífica apresentam na atualidade o efeito desta migração, revelada pela produção agrícola nos estados de Goiás, Mato Grosso, Rondônia, Pará, Mato Grosso do Sul, Paraná e Santa Catarina.

Correndo o pedaço!

Depois do movimentado e bem sucedido evento mostrando a importância da produção de tambaqui em cativeiro no estado, a equipe capitaneada pelo Secretário de Agricultura Evandro Padovani, continua correndo o pedaço conhecendo de perto a realidade dos pequenos e médios produtores rurais, principalmente nas áreas do café, leite e pequenos animais.

Plantio!

Cumprindo o que determina o vazio sanitário, o plantio de soja está liberado pela Agência Idaron na região do Cone-Sul do estado. No entanto, na região norte, incluindo o município de Porto Velho o plantio deve ser iniciado dentro de 15 ou 20 dias. Qualquer dúvida o produtor deve procurar a Agência Idaron para obter outras informações.

Finalizando

A primavera chegou trazendo alegria, chuvas esparsas, a natureza em festa, pássaros e insetos cada um contribuindo a seu modo para que a vida seja preservada. Assim, vou ficando por aqui, porém retornarei no próximo final de semana.


Deixe o seu comentário

sobre José Luiz Alves

Colaborador do Diário da Amazônia - José Luiz Alves, é jornalista. Apresenta aos sábados das 6h às 8h na Rede Tv Rondônia! o programa Campo e Lavoura, com informações ao homem do campo e produtores rurais, em cadeia com seis emissoras de rádios para todo o Estado de Rondônia.