porto velho - ro, 13 Outubro 2018 03:47:51
Política

Cármen Lúcia critica decisão da maioria dos ministros

Ao comentar ontem o resultado da votação de quarta, em que os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovaram o aumento de seus..

A- A+

Publicado: 10/08/2018 às 11h23min

Ao comentar ontem o resultado da votação de quarta, em que os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) aprovaram o aumento de seus próprios salários, a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia, disse não se envergonhar de ter sido vencida no tema, por estar convencida de que não era o melhor para o Brasil. “Perco quase todo dia, ontem perdi, provavelmente hoje perco de novo em alguma votação. Mas eu não queria estar ao lado dos vencedores”, disse a ministra, que votou para que os salários permanecessem em R$ 33,7 mil por pelo menos mais um ano.
O reajuste dos salários foi votado em sessão administrativa na noite de quarta-feira, quando foi aprovada a inclusão no orçamento do Poder Judiciário de 2019, a ser encaminhado ao Congresso, o aumento de 16% nos vencimentos dos ministros, que poderão chegar a R$ 39 mil. “Às vezes lutamos muito, mas não ganhamos, mas o objetivo de lutar pelo Brasil e conviver com o diferente que muitas vezes vence faz parte da democracia”, acrescentou a ministra Cármen Lúcia.


Escreva um comentário