porto velho - ro, 14 Outubro 2018 03:07:23
Capital

Carreta da Hanseníase atenderá no Bairro Socialista até quarta

Na quinta-feira, os atendimentos serão na Unidade de Saúde Castanheira.

Por Assessoria
A- A+

Publicado: 03/07/2018 às 16h42min

Se preferir, ouça a versão em áudio

A carreta do “Projeto Roda Hans” iniciou os atendimentos em frente a Unidade de Saúde da Família (PSF), no Bairro Socialista (Divulgação)

A carreta do “Projeto Roda Hans” iniciou os atendimentos em frente a Unidade de Saúde da Família (PSF), no Bairro Socialista, na manhã desta terça-feira,3, e encerra nesta quarta-feira,4, no final da tarde.

Na quinta-feira, 5, a carreta atenderá na Unidade de Saúde Castanheira (manhã e tarde). E na sexta-feira, 6, o atendimento será em frente ao Centro Político Administrativo (CPA). Devido ao jogo do Brasil nesse dia, o atendimento será apenas na parte da manhã.

Esta é a primeira vez que essa ação, promovida pelo Ministério da Saúde, é realizada em Porto Velho. O trabalho é efetuado em parceira com a Secretaria Municipal de Saúde de Porto Velho (Semusa) e com Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa).

A carreta é equipada com cinco consultórios e um laboratório. Os médicos e técnicos que estão realizando os atendimentos são todos servidores da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), que receberam capacitação semana passada.

Na manhã desta terça-feira, cerca de 40 pessoas passaram pela triagem realizada por técnicos do Centro Universitário IESB, um dos parceiros da ação. Após o teste de glicemia e aferição de pressão feito pelos técnicos, o paciente entra na carreta para ser consultado e realizar o exame de baciloscopia para hanseníase.

“Neste primeiro dia foi confirmado, por meio dos exames, um caso de hanseníase. O paciente já saiu com a medicação. Ele dará continuidade ao tratamento na unidade de saúde mais próxima de sua residência”, afirmou a coordenadora do Programa de Combate à Hanseníase, enfermeira Adriani Castro.

Qualquer pessoa que possua mancha esbranquiçada, avermelhada ou acastanhada, que seja dormente, deve procurar a carreta para realizar uma consulta médica, levando consigo o cartão do SUS.



Escreva um comentário