porto velho - ro, 13 Setembro 2019 03:57:32

    SilvioSantos

    coluna

    Publicado: 24/05/2019 às 10h52min

    A-A+

    Começa o maior circuito junino do Brasil

    Começa na noite desta sexta feira, o maior circuito junino do Brasil. ********** É isso mesmo, não adianta Caruaru (PE) e Campina Grande..

    Começa na noite desta sexta feira, o maior circuito junino do Brasil.

    **********

    É isso mesmo, não adianta Caruaru (PE) e Campina Grande (PA) ficarem brigando pelo título de “Maior São João”, as duas festas perdem feio para as Festas Juninas de Porto Velho.

    *********

    Enquanto eles dançam quadrilha e forró durante os trinta dias do mês de junho.

    *********

    Em Porto Velho capital do estado de Rondônia os festejos duram mais de 70 dias.

    *********

    Nosso circuito junino começa na noite desta sexta feira 24 de maio e só vai terminar na primeira quinzena de setembro;

    *********

    A partir de hoje, é terminando um Arraial e começando outro. É como diz o cearense: “É um encangado no outro”, já o paraense num caso desses, se expressa da seguinte maneira: “É um no rabo do outro”.

    *********

    O Cacto vai até o dia 2 de junho e já no dia 7 de junho começa o ArraiáLeste comandado pelo Maik da MC.

    *********

    Se tudo correr como o programado o maior dos maiores, o mais esperado Arraial de Porto Velho e região o Flor do Maracujá começa no dia 28 de junho (uns dizem que tem que começar no dia 27 por causa das eliminatórias) e só termina no dia 7 de julho.

    *********

    Por falar em Flor do Maracujá segunda feira, a Comissão Mista com integrantes da Sejucel, Federon e ALE, vai se reunir na sede da Federon no Parque dos Tanques para definir a estratégia de como conseguir patrocínio de empresas privadas, para fomentar a montagem dos temas dos grupos de quadrilhas e bois bumbás.

    *********

    Será uma missão muito árdua, porém, se realmente, como disse o superintendente da Sejucel em seu discurso na Audiência Pública, o Secretário da Casa Civil do governo estadual se empenhar ligando para alguns empresários, pedindo a colaboração, o negócio vai ficar mais fácil.

    *********

    Vale lembrar aquele site de notícia que publicou manchete, dizendo que o governo está disponibilizando mais de MEIO MILHÃO para a realização do Flor do Maracujá, não é bem assim não, aquele valor divulgado na matéria distribuída pela SECOM vem da seguinte maneira: 160 Mil emendas do deputado Eroder Brasil mais 200 Mil de uma emenda da deputada federal Mariana Carvalho e um valor que ainda não foi autorizado, que a Caixa Econômica ficou de repassar para a premiação.

    *********

    Ninguém está tirando dinheiro da Saúde e nem da Educação. Essas entidades têm orçamento próprio. A Sejucel tem um orçamento muito pequeno e por isso precisa recorrer a emendas de parlamentares para poder realizar eventos como o Arraial Flor do Maracujá.

    *********

    Cacete, Porto Velho é carente de eventos de lazer e quando o governo se propõe a realizar um, vem os “mercenários” que podem estar fora da conta publicitária do governo e começam a criticar o que não devem.

    *********

    Tem um outro evento que começa nesta sexta feira com o apoio do governo municipal e mesmo site elogia, talvez porque aí ele faz parte da cota de publicidade.

    *********

    Vamos parar com a hipocrisia colega jornalista. Já ficamos sem os desfiles das escolas de samba e agora você quer que fiquemos sem nossa maior festa folclórica? Te manca mermam!

    ********

    Por falar em comentário, ha três sexta feiras faço parte do quadro de colunista da Rádio CBN Amazônia/Porto Velho FM 101,9. Sintoniza hoje as 10h40 e escuta o meu comentário a respeito da programação cultural em Porto Velho. É o Zetracara nas ondas do rádio.

    *********

    Hoje tenho que me virar nos 30. Estarei na abertura do Boto Rock e na abertura do Arraial Flor de Cacto. Podem ir conferir que marcarei presença nos dois eventos.

    ********

    No Boto Rock porque adoro Rock e no Flor de Cacto porque sou folclorista de nascença. Fui!


    Escreva um comentário

    sobre Silvio Santos

    Jornalista. Atualmente é editor do caderno de Cultura do jornal Diário da Amazônia. É um apaixonado pela Cultura de Porto Velho. Mantém uma coluna diário no jornal Diário da Amazônia. Conhecido carinhosamente por Zé Katraka.

    Arquivos de colunas