Porto Velho/RO, 11 Dezembro 2019 22:25:08

    CarlosSperança

    coluna

    Publicado: 06/11/2019 às 09h18min

    A-A+

    Comerciantes estão animadas com as perspectivas do Black Friday

    Os Supergovernadores Os governadores dos estados com áreas amazônicas entenderam o sínodo convocado pelo Vaticano para estudar as..

    Os Supergovernadores

    Os governadores dos estados com áreas amazônicas entenderam o sínodo convocado pelo Vaticano para estudar as ações religiosas na região como uma oportunidade e não um problema. Ao contrário de brigar com os fatos, assumiram perante a autoridade religiosa, suas comunidades e o mundo uma atitude de reconhecimento de que a floresta está ameaçada e o compromisso de combater o desmatamento ilegal.

    Como um doente só poderá encetar o caminho da cura se admitir que precisa de ajuda, recorrendo a e aceitando as medicações recomendáveis, mesmo que amargas, os governadores da Pan-Amazônia atraíram a simpatia geral no exterior reconhecendo, admitindo e se comprometendo.

    Há fenômenos sobre os quais os líderes políticos, mesmo os melhores, só podem lidar corretivamente, como no caso das consequências do El Niño. Em sua versãolight ele já causa muitos estragos, mas também tem uma versão turbinada – o Super El Niño, que assolou o mundo em duas ocorrências no fim do século XX e uma no atual século, em 2015.

    O próximo, dizem os cientistas, deve ser neutro, mas depois virá um mais pesado. A única prevenção para essa usina de crises é investir em pesquisa, ciência e combater as ações criminosas que dão força ao fenômeno. Isso os líderes podem – e devem – fazer. Para supertragédias, supergovernantes.

    …………………………………………………………

    Frente de Esquerda

    A esquerda anda desgastada e mixuruca Brasil afora. Nem com o presidente Jair Bolsonaro (PSL) rachando sua própria base, aborrecendo a bancada ruralista e apagando fogo com gasolina, petistas etc. caterva ainda não conseguem degolar. Mas em Porto Alegre, o sonho da união entre PT, PSOL, PC do B – e com boas chances de vitória com a pré-candidata Manuela Dávila – é uma realidade.

    Não prospera

     Já, em Porto Velho, a Frente de Esquerda não prospera. Passados os anos dourados de Roberto Sobrinho, Eduardo Valverde e Fátima Cleide o partido não emplacou uma nova liderança capaz de unir a esquerda na capital rondoniense. Por aqui é muito dificil PT, PSOL, PC do B se entender ainda mais contar com algum nome de ponteira. Cada legenda puxa a brasa para sua sardinha e dividida a aliança não tem como ganhar corpo.

    Black Friday

    A Câmara dos Diretores Lojistas e a Fecomércio estão animadas com as perspectivas do Black Friday, no próximo dia 29 em Porto Velho. .Aumentaram às lojas engajadas, as promoções estão caprichadas. O comércio lojista de celulares, roupas, eletrodomésticos, e até supermercados vão entrar na dança com preços convidativos, indicando um bom final de ano, já que o apelo de compras no Natal ainda é maior. Já tem imobiliária co  super ofertas.

    Melhores do ano

    No quesito melhor prefeito, já externei minha opinião. O troféu é para Juninho Gonçalves, de Jaru. Acho que é o único município do País, onde o prefeito (no caso, sua família) aporta recursos do próprio bolso para obras com suas doações. Na maioria das cidades brasileiras, se superfatura até o pãozinho da merenda escolar. Para deputado federal, repetindo o desempenho de melhor vereador, de melhor deputado estadual, o meu voto é para Leo Moraes.

    As esperanças

    O pacote de medidas economicas anunciado pelo presidente Bolsonaro e pelo ministro Paulo Guedes acaba de vez com as esperanças dos distritos em emancipação. Muito pelo contrário, cidades com menos de 5 mil habitantes e com baixa arrecadação poderão ser anexadas a municípios maiores. Muitos localidades rondonienses com os sonhos desfeitos, pequenos municípios, como Pimenteiras podem voltar a condição de distrito.

    …………………………………..

     

    Via Direta

    *** Os produtores de soja no Cone Sul rondoniense temem que a safra padeça com redução de produtividade com o plantio tardio motivado pela falta de chuvas regulares*** Lideranças políticas e empresariais rondonienses acreditam que a China poderá retomar o projeto da Ferrovia Transcontinental, aquela que passa pelo território rondoniense*** È que o presidente Bolsonaro depois de atacar os chineses foi lá pedir penico e as relações entre os paises melhoraram muito desde então*** O mesmo comportamento foi tomado com os árabes em recente visita para retomar as exportações das carne de porco e de aves para o Oriente Médio*** Considerada a melhor vice da temporada, Cristiane (PP) criou asas e agora quer ser candidata a prefeitura da capital*** Será que o clã Cassol deixa?*** O histórico para lideranças emergentes em Porto Velho é o seguinte: mostrou a cara fora da toca leva paulada*** Por aqui, raros predadores conseguiram levar a melhor sobre os políticos mais cascudos. Já no plano estaual, existem algumas exceções, como Raupp que devorou Jerônimo.


    Deixe o seu comentário

    sobre Carlos Sperança

    Um dos maiores colunistas político do Estado de Rondônia. Foi presidente do Sinjor. Foi assessor de comunicação do governador José Bianco entre outros. Mantém uma coluna diária no jornal Diário da Amazônia.

    Arquivos de colunas