porto velho - ro, 11 Junho 2019 16:54:04

J. Nogueira

coluna

Publicado: 07/02/2019 às 06h34min

A- A+

Destaques da região central de Rondônia

SESSÃO Após o período de recesso, vários legislativos municipais já voltaram a realizar sessões. Uma delas foi o Poder Legislativo..

SESSÃO

Após o período de recesso, vários legislativos municipais já voltaram a realizar sessões. Uma delas foi o Poder Legislativo (Câmara de Vereadores) do município de Ouro Preto que aconteceu na manhã de terça-feira. A primeira sessão ordinária do ano (1° período legislativo) foi presidida pela nova Mesa Diretora composta pelo vereador/presidente J. Rabelo (PTB), vice-presidente Eudes Venâncio; 1º secretário, Jeferson Silva e 2º secretário, Edis Farias. A nova Mesa Diretora administrará o legislativo pelos próximos dois anos.

SESSÃO II

Ou legislativo que já voltou com suas sessão ordinárias foi a do município de Theobroma na segunda-feira (4). O recesso durou 40 dias com sessões e audiências públicas suspensas, além das deliberações das comissões temáticas. Já os trabalhos administrativos (burocráticos) como assessorias e atendimento ao público, não teve paralização. A primeira sessão aconteceu às 10 horas e contou com a presença de todos os vereadores, servidores, secretários e membros da comunidade. A sessão é transmitida via internet através do site do próprio legislativo.

SESSÃO III

Já no legislativo de Costa Marques, situado no final da BR-429 divisa com a Bolívia, os vereadores atendendo convocação do presidente da casa, Mauro Sergio Costa “Maurinho”, interromperam o recesso no final do último mês para uma sessão extraordinária. A sessão foi para debater a Saúde Pública, e segundo o presidente os membros da casa de leis sempre que acionados pelo Executivo atendem desde que os motivos sejam de interesse público. Nesse caso, o motivo foi a deliberação para autorizar o município a contratar, em caráter de urgência, médicos.

REFORÇO

A secretaria de Saúde (Semsau) de Ouro Preto recebeu a doação de uma ambulância para transporte de pacientes por meio de doação da empresa Norte Brasil Transmissora de Energia S/A, no valor superior de R$ 156 mil. A doação faz parte de uma ação ajuizada pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) contra a empresa, no valor total de R$ 5 mi, revertida na aquisição de ambulâncias, ônibus e micro-ônibus beneficiando 26 municípios, por meio da Gerência Regional de Saúde (GRS), sediada em Ji-Paraná. O secretário de Saúde, Cristiano Ramos disse que veículo chega para melhorar o transporte dos pacientes as unidades de saúde mais especializadas.

CAMIONETE

A imprensa da cidade de Jaru flagrou na terça-feira (05), a equipe do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (DNIT) realizando a pavimentação asfáltica de um trecho critico de travessia que liga a BR 364 a avenida JK e rua Afonso José. Só que antes, quinta-feira (31) o superintendente do órgão Cláudio Neves, teria anunciado os maquinários da empresa Meta Pavimentações que foi chamada após a construtora Rondônia Transporte abandonar a obra. Mas o que chamou atenção da mídia local foi à massa asfáltica sendo compactada por uma camionete.

MORADIA

O atraso da entrega das casas e apartamentos do programa de moradia social do governo Federal “Minha Casa, Minha Vida” em parceria com a prefeitura de Ji-Paraná, tem deixado muitas famílias que fizeram a inscrições em situação de dificuldade. Um exemplo especificado através de um comentário postado em um site local expõe a situação da senhora Simone Martins Honório. Inscrita e contemplada para o residencial Rondon I (casas) ela desabafa afirmando estar doente, com aluguel em atraso, e ainda mais, desempregada com os filhos. Ela tem prezo de 10 dias para pagar o aluguel, caso contrário, seja despejada. Certamente, outras famílias estão na mesma situação!


Escreva um comentário

Arquivos de colunas