porto velho - ro, 12 Setembro 2019 20:03:28
    Diário da Amazônia

    Destaques da região central de Rondônia

    MIRIM Aconteceu na sexta-feira (2), na sede da Polícia Militar de Ouro Preto, o lançamento da 1ª turma do Projeto Polícia Mirim, que..

    A-A+

    Publicado: 05/08/2019 às 14h44min

    MIRIM

    Aconteceu na sexta-feira (2), na sede da Polícia Militar de Ouro Preto, o lançamento da 1ª turma do Projeto Polícia Mirim, que irá contemplar 20 crianças e adolescentes. O curto do projeto ficou acima dos R$ 25 mil, com gasto de uniformes e alimentação e outras despesas. A duração é de seis meses, com três aulas programadas por semana, no período matutino. O dinheiro foi liberado pelo Tribunal de Justiça do Estado, através do Fórum da Comarca local. Os alunos estarão sob a supervisão da 3° sargento PM Rosana Silva, que comanda a Polícia Mirim, e ela, informou que grade curricular será bem extensa, incluindo Educação Física, Cidadania, Militarismo, Civismo, Ética, primeiros socorros, Meio Ambiente, e formação profissional.

    REVITALIZAÇÃO

    Ainda em Ouro Preto, o Departamento de Turismo, Cultura e Esporte em parceria com a Pedreira Realeza, iniciou o trabalho de revitalização das quadras de areia do Bosque Municipal, Praça da Liberdade e Jardim Aeroporto. A ação é uma parceria público-privado, e busca reestruturar os referidos espaços voltados ao esporte e lazer no município. Os serviços contam com o apoio da secretaria de Infraestrutura e Obras (Seminfra), com a limpeza. A conclusão foi programada o final desta semana. Segundo o titular da secretaria de Esportes, Genefisson Fagundes o projeto tem objetivo de formar novas parceria com a iniciativa privada, em busca de novos benefícios para a população.  

     

    JURAMENTO

    Na cidade de Jaru, próximo de 200 jovens irão participar, na próxima sexta-feira (9), no período da manhã, da solenidade de Juramento à Bandeira Nacional. Todos eles, eles foram dispensados da prestação do Serviço Militar inicial, pelo chamado excesso de contingente. O evento é organizado pela Junta de Serviço Militar, tem previsão de início para as 9 horas no auditório da Associação Comercial e Industrial de Jaru (ACIJ). A solenidade será concluída com a entrega dos referidos certificados, também chamados de Carteira de Reservista, documento obrigatório para homens. 

     

    135

    O Departamento Estadual de Estradas e Rodagens (DER), retomou os serviços de recuperação da rodovia estadual (RO-135) que liga Ji-Paraná ao distrito de Nova Londrina e a BR-429, na região do Vale do Guaporé. O percurso de 36 havia recebido operação ‘Tapa Buracos’, via projeto Solo Cimento, para tentar melhorar a trafegabilidade de veículos, já que praticamente, todo trecho apresenta muitas dificuldades, em decorrer da falta de manutenção que estava resultando na demora da viagem, problemas mecânicos, e o mais grave, sério risco de acidentes com perda de vidas. Os serviços somente deverão ser concluídos somente após ser concluído a pista de rolamento no Anel Viário de Ji-Paraná.

     

    VACINAÇÃO – Foto>Arquivo!

    Foi marcado para o próximo dia 20, o início de mais uma campanha antirrábica, em Ji-Paraná. Segundo a coordenadora, Eliana Pereira do Centro de Controle de Zoonoses, são mais de oito mil animais (cães e gatos), existentes no setor rural. Ela explicou que no setor rural, a equipe comparece em cada propriedade, incluindo às aldeias indígenas, os distritos de Nova Londrina e Nova Colina, Linhas 200, setor Riachuelo, Gleba G e Itapirema. Eliana Pereira ainda lembrou que no centro de 2018, a pesquisa mostrou que a cidade tem uma população animal de 29.417 (Cães) e 9.551 (Gatos). A meta a ser alcançada fica próximo dos 28 mil cães/Gatos. A raiva animal não tem cura e vacina contribui na prevenção da doença.

    MEDICAMENTO

    A falta de alguns tipos de medicamentos na Farmácia Básica de Saúde de Ji-Paraná, foi confirmada pela a nova titular da secretaria de Saúde, Francyane Chagas, que garantiu que o problema já está sendo resolvido. O fato veio a público após várias reclamações chega à imprensa local, A secretária, informou ainda que em 15 dias, os medicamentos e insumos como seringa de glicemia insulina e fita de glicemia já estarão disponíveis. Entre os remédios em faltas, estão: Depakene, Amitripitilina de 25 e 75 ml, Carbamazepina de 200 e 400 ml, Clonazepan, Rivotril, Haloperidol e Gardenal.



    Escreva um comentário