porto velho - ro, 22 Setembro 2019 22:43:00
    Polícia

    Federal busca informações na Caerd sobre compra de barrilha

    O material teria sido adquirido por engano, em 2014, na gestão da então presidente Iacira Azamor.

    Por Redação Diário da Amazônia
    A-A+

    Publicado: 12/02/2019 às 12h00min | Atualizado 12/02/2019 às 20h08min

    Foto: Divulgação Diário da Amazônia

    Uma equipe da Polícia Federal (PF) esteve ontem na sede da Caerd ( Companhia de Águas e Esgotos de Rondônia), Porto Velho, em busca de informações sobre a compra de barrilha ( substância química rica em carbonato de sódio). O material teria sido adquirido por engano, em 2014, na gestão da então presidente Iacira Azamor.

    A barrilha que é utilizada para equilibrar o pH de água, também serve na produção de entorpecentes, por isso, a comercialização precisa ser controlada pela PF.

    Na época da compra, o produto que seria adquirido pela Caerd era de cal hidratada. Por isso, a direção da empresa precisa dar esclarecimentos sobre a mudança da compra. Outro problema é que no período da aquisição da barrilha, a Caerd estava sem licença na PF.

    O atual presidente da companhia, José Irineu Cardoso Ferreira, disse que a ação da Polícia Federal foi uma inspeção de rotina por se tratar de comercialização de químicos. A assessoria da PF deu a mesma justificativa. José Irineu também esclareceu que tão logo foi constatada a falta de licença, todos os procedimentos foram tomados e no momento se encontra regular.



    Escreva um comentário