Porto Velho/RO, 29 Dezembro 2019 11:34:03

    ChagasPereira

    coluna

    Publicado: 29/12/2019 às 11h33min

    A-A+

    Fumaça de cigarro prejudica a saúde de quem não fuma

    O tabagismo passivo é a terceira principal causa de morte evitável no mundo.

    O que o tabagismo traz de positivo para a saúde? Absolutamente nada. O sabor nocivo do tabaco apenas contribui para prejudicar os pulmões de quem fuma e, por tabela, de quem não fuma. Especialistas fazem questão de salientar que o crescente número de doenças provocadas pelo fumo reforçou os questionamentos sobre os efeitos do tabagismo.

    Dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) alertam que o vício do cigarro é considerado a principal causa de mortes evitáveis em todo o mundo, mas o índice de conscientização das pessoas fumantes parece não evoluir. Essas pessoas simplesmente ignoram que o cigarro é um veneno que mata lentamente.

    O pior é que a maioria dos fumantes não se incomoda com o mal que a fumaça do cigarro provoca àqueles que, felizmente, não fumam. Somos (digo somos porque graças a Deus eu não fumo) obrigados a sofrer os impactos da fumaça do cigarro porque os fumantes não são responsáveis com sua própria saúde e muito menos com a saúde dos outros.

    Especialistas são unânimes em alertar que “nunca uma epidemia causou tanta morte quanto está causando o tabagismo.” As pessoas que convivem com fumantes estão igualmente ameaçadas porque, mesmo que não queiram, absorvem a fumaça do cigarro. Segundo dados da Organização Mundial de Saúde, o chamado tabagismo passivo é a terceira principal causa de morte evitável no mundo, depois do tabagismo ativo e do consumo excessivo de álcool.

    O ar poluído contém, em média, três vezes mais nicotina, três vezes mais monóxido de carbono, e até 50 vezes mais substâncias cancerígenas do que a fumaça que entra pela boca do fumante depois de passar pelo filtro do cigarro. Por tudo isso, é fundamental que haja uma reflexão profunda quanto ao consumo de cigarros. A saúde agradece e quem não fuma também.


    Deixe o seu comentário

    sobre Chagas Pereira

    Com mais de 40 anos de atuação no segmento da comunicação em Rondônia, Chagas Pereira é jornalista, radialista, consultor e palestrante.

    Arquivos de colunas