porto velho - ro, 23 Maio 2019 23:26:06
Agronegócio

Governo de Rondônia investe na agricultura familiar

Por meio da Secretaria de Agricultura (Seagri), o governo do estado adquiriu 65 mil toneladas de calcário dolomitico com objetivo de..

Por José Luiz Alves Diário da Amazônia
A- A+

Publicado: 09/04/2019 às 06h00min

Se preferir, ouça a versão em áudio

Por meio da Secretaria de Agricultura (Seagri), o governo do estado adquiriu 65 mil toneladas de calcário dolomitico com objetivo de atender as necessidades dos pequenos produtores rurais ligados agricultura familiar, propiciando aumento na produtividade agropecuária com investimentos R$ 2,6 milhões, valor este já pago. Vale acrescentar que estão sendo beneficiados 26 mil produtores com 2.5 toneladas por propriedade.

A área de abrangência do programa “Mais Calcário” visa atender os 52 municípios de Rondônia, disponibilizando mil 250 toneladas do produto por município. Já foram atendidos 9.045 produtores, totalizando 22.612 toneladas o equivalente a 35% do programa em 45 municípios. Este ano em função das chuvas foram distribuídos 100 toneladas para 45 produtores.

No entanto, de acordo com levantamento da Coordenação de Desenvolvimento Agropecuário, a Seagri, ainda tem disponíveis 42.887 toneladas para atender 17.154 propriedades rurais. A proposta do Governo do Estado é de aumentar a receita dos produtores que exploram atividades como: chacareiros, pecuária leiteira, piscicultura, agroindústrias, revitalização da cafeicultura,, hortifrutigranjeiros entre outras atividades no campo. O transporte do programa “Mais Calcário” é de responsabilidade dos municípios.

Incentivando a produção leiteira no estado

Para atender a pecuária leiteira, o programa “Pró-Leite” têm o sistema de transporte executado pela Seagri, onde o produtor rural poderá adquirir até 35 toneladas nas usinas produtoras. Por este programa em 2018 foram entregues 2.274 toneladas de calcário. Em 2019 já foram entregues 2.956 toneladas com estimativa para distribuir até o final do ano 20 mil toneladas, com projeção para atender 400 produtores rurais.



Escreva um comentário