Porto Velho/RO, 23 Dezembro 2019 09:46:26
    Polícia

    Homem mata mulher após ela se negar a fazer sexo, em Minas Gerais

    O autor do crime tentou tirar a própria vida. Ele foi socorrido e segue internado em um hospital de Divinópolis, na Região Centro-Oeste de M

    A-A+

    Publicado: 23/12/2019 às 09h46min

    Uma jovem de 23 anos foi assassinada com uma facada no pescoço, na madrugada deste domingo (22/12), em Divinópolis, na Região Centro-Oeste de Minas Gerais. O companheiro dela, também de 23, enviou uma mensagem para o cunhado dizendo que cometeu o crime depois que a mulher se negou a fazer sexo com ele. O homem tentou se matar. Ele foi socorrido e encaminhado para um hospital da cidade.

    O crime aconteceu por volta das 3h30 deste domingo, no Bairro Fábio Notini. De acordo com a Polícia Militar (PM), vizinhos ouviram os gritos da vítima e acionaram a corporação. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou ao local e o médico constatou a morte da jovem.

    O autor do crime, companheiro da vítima, estava caído com ferimentos. Ele foi socorrido e encaminhado para o Hospital São João de Deus, onde segue internado sob escolta policial. O estado de saúde dele não foi informado.

    De acordo com a PM, o irmão da jovem esteve no local e afirmou que recebeu uma mensagem, via rede sociais, do autor do crime. “Sua irmã não quis transar comigo, por isso matei ela. Me perdoe”, teria dito o homem. O celular dele foi recolhido e encaminhado para a delegacia para ser analisado.

    A perícia da Polícia Civil esteve no local e iniciou os trabalhos de investigação. A arma utilizada no crime foi recolhida. O corpo da jovem foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade.

    Buscas na Zona da Mata
    Este não foi o único feminicídio registrado em Minas neste fim de semana. A polícia está à procura de um homem de 33 anos que assassinou a ex-mulher em Manhuaçu, na Região da Zona da Mata. A vítima estava na casa dos pais, onde participou de um churrasco, quando foi atingida por vários golpes de facas. O ex fugiu do local levando a arma do crime. Segundo a Polícia Militar (PM), o casal, que tem dois filhos, estava em processo de separação.

    FONTE: Correio Braziliense



    Deixe o seu comentário