Porto Velho/RO, 13 Janeiro 2020 10:21:50
    Saúde

    Homem passa por cirurgia no coração após pipoca grudar no dente

    Para tirar o milho, paciente britânico utilizou um pedaço de arame, uma tampa de caneta e um prego, o que causou ao problema cardíaco.

    A-A+

    Publicado: 13/01/2020 às 10h21min

    Um homem britânico precisou passar por uma cirurgia no coração após uma pipoca grudar em seu dente. Adam Martin, 41 anos, teve uma infecção bacteriana, conhecida como endocardite, depois de remover o milho com uma tampa de caneta, um pedaço de arame e até um prego. Os objetos machucaram a gengiva do bombeiro, que sentiu dores por dias sem procurar um médico. As informações são do jornal Cornwall Live.

    Segundo a reportagem, Martin apresentou sintomas parecidos aos de gripe, como suor noturno, fadiga, mal estar e dor de cabeça. Só depois disso que procurou pela ajuda de um especialista. Na unidade de saúde, recebeu o diagnóstico da infecção no coração.

    Arquivo pessoal

    A doença atinge parte da camada interna do órgão, o endocárdio, que tem contato direto com o sangue interno do coração. Os objetos utilizados pelo britânico para remover a pipoca do dente lhe cortaram a gengiva e as bactérias entraram em seu corpo por meio das feridas.

    “Os médicos me disseram que, se eu não tivesse ido ao pronto-socorro, poderia ter morrido em três dias. A infecção já tinha destruído minhas válvulas cardíacas completamente”, relatou à reportagem. A equipe médica tentou tratar o sangramento de Martin com medicamentos, mas a doença já estava avançada. Por isso, a solução foi o procedimento cirúrgico.

    A intervenção durou cerca de sete horas para substituir as válvulas danificadas. O bombeiro foi submetido ainda a outro procedimento para tratar um coágulo em sua perna.

    Martin agora passa bem e disse que lamenta não ter procurado um dentista logo que percebeu o sangramento. “Eu deveria ter ido ao dentista em primeiro lugar. Não quero que ninguém passe pelo que passei”, relatou Martin. “Tudo aconteceu tão rápido e foi sinistro. Não vou chegar perto de pipoca de novo, com certeza.”

    Fonte:  jornal Cornwall Live



    Deixe o seu comentário