porto velho - ro, 01 Novembro 2019 23:57:36
    Polícia

    Homicídios prende homem que matou irmão e enterrou corpo em fossa

    A vítima foi morta cruelmente a marretadas e enterrada dentro de uma fossa na Estrada da Areia Branca, quilômetro 7, região Sul de PVH

    Por Rondoniaovivo
    A-A+

    Publicado: 16/09/2019 às 11h17min

    Policiais civis da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) cumpriram na manhã desta segunda-feira (16) mandado de prisão preventiva contra o pedreiro Valmir Dalcortivo, 50, assassino confesso do irmão Valdecir Dalcortivo, 49.

    A vítima foi morta cruelmente a marretadas e enterrada dentro de uma fossa na Estrada da Areia Branca, quilômetro 7, região Sul de Porto Velho (RO). O corpo foi encontrado pelos investigadores da Homicídios na segunda-feira (09) passada.

    O crime teria ocorrido na noite da última sexta-feira (06) em uma obra que os irmãos trabalhavam e dormiam. Agentes da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Vida (DECCV) através de informações foram ao local e encontraram o corpo. Pouco tempo depois, o acusado foi até a Unisp Leste e confessou o crime.

    Durante o declaração para a imprensa, ele contou que teria discutido com o irmão devido uma suposta tentativa de estupro que a vítima teria praticado contra a filha do acusado. O caso já teria ocorrido há anos, mas na ocasião ambos voltaram a se desentender sobre a tentativa de abuso sexual.

    Em meio a discussão, Valdecir teria se armado com uma marreta e partido para cima do irmão. O acusado alega que conseguiu tormar a ferramenta do irmão e o matou com dois golpes na cabeça.

    Após o assassinato, ele friamente jogou o corpo do irmão em uma fossa em construção, enterrou e depois fechou com uma tampa de concreto.

    O acusado tinha sido liberado na ocasião, pois se apresentou espontaneamente e o crime estava fora de flagrante, mas hoje após determinação judicial foi preso em uma oficina na Rua Rafael Vaz e Silva, bairro Nossa Senhora das Graças, região Central de Porto Velho.



    Escreva um comentário