porto velho - ro, 19 Julho 2019 23:19:42
Política

Humaitá se une à luta pela restauração da BR-319

Sul do Estado amazonense vê na restauração da BR 319 a saída para o desenvolvimento.

Por Joceninn Santana Diário da Amazônia
A- A+

Publicado: 18/10/2015 às 05h25min | Atualizado 19/10/2015 às 14h11min

Estrada está abandonada há mais de 30 anos e isola região sul do Amazonas Jota Gomes/Diário da Amazônia

Estrada está abandonada há mais de 30 anos e isola região sul do Amazonas Jota Gomes/Diário da Amazônia

O município de Humaitá, localizado no Sul do estado do Amazonas, é mais um importante integrante na luta pela recuperação da BR-319, que liga Porto Velho, em Rondônia, à capital do Amazonas, Manaus.

No último sábado (16), liderada pelo prefeito José Sidnei Lobo, o Dedé Lobo como é conhecido, uma grande mobilização de conscientização foi realizada no município e envolveu lideranças políticas, empresariais, profissionais liberais e a população em geral, mostrando apoio de Humaitá ao Movimento BR-319, Integração da Amazônia, Caminho da Sustentabilidade.

De acordo com o prefeito Dedé Lobo, o município de Humaitá é cortado por duas importantes rodovias, que são a BR-230 (a Transamazônica) e a BR-319, e mesmo assim enfrenta dificuldades na comunicação logística com outras regiões Estado, uma vez que as estradas estão sem nenhuma condição de trafegabilidade.

Para o prefeito, a restauração da BR-319 significa a retomada do desenvolvimento dos municípios localizados no Sul do Estado do Amazonas, pois permitirá o acesso à capital do Estado, oportunizando a chegada de investimentos ao município. Dedé Lobo acredita ainda, que a recuperação da rodovia possa trazer ao município de Humaitá uma nova realidade, novas perspectivas, valorização do município, do seu povo, da sua gente, que terá acesso ao principal polo de tecnologia do País e possibilitará que essa realidade tecnológica chegue ao município mais rapidamente.

Futuro

O movimento do último sábado em Humaitá contou com adesivagem de veículos, distribuição de folderes informando a importância da BR para o município e para a região, além de discursos de autoridades e lideranças empresarias, inconformadas com a atual situação da rodovia. Durante a manifestação, foi confirmada a participação de um grupo humaitaense que se juntará à uma caravana reunindo representantes políticos e empresariais que sairá de Porto Velho dia 26, rumo a Manaus, pedindo a restauração da rodovia.

“Não podemos esperar mais. Humaitá e a região Sul do Amazonas precisa da restauração da BR-319 para a retomada do seu desenvolvimento. Há mais de 30 anos vivemos isolados da nossa capital por conta da inoperância do Governo Federal no que diz respeito à manutenção da única via de ligação entre Manaus e o interior do Estado. Estamos abandonados e esta situação não pode continuar assim. Vamos nos unir à caravana liderada pelo senador Acir Gurgacz (PDT/RO) e empresários de Porto Velho, pois a recuperação da BR-319 é o nosso último recurso na busca por melhorias para a nossa região”, afirmou o prefeito.

A Caravana

Organizada pela Comição de Serviços de Infraestrutura do Senado a caravana pela BR-319 sairá de Porto Velho na segunda-feira, dia 26 de outubro, percorrendo os mais de 880 quilômetros até Manaus. Aproximadamente 300 quilômetros da BR-319 não possui mais nenhum tipo de pavimentação e a obra de restauração que estava sendo feita pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) está suspensa pelo Ibama, que multou o órgão em mais de 7,5 milhões por danos ambientais.



Escreva um comentário