Porto Velho/RO, 03 Setembro 2021 09:48:27

SolanoFerreira

coluna

Publicado: 03/09/2021 às 09h47min | Atualizado 03/09/2021 às 09h48min

A-A+

Inventário florestal é importante para garantir a sustentabilidade

Um Inventário florestal consiste na aplicação de técnicas de medição para se obter informações das espécies existentes numa..

Um Inventário florestal consiste na aplicação de técnicas de medição para se obter informações das espécies existentes numa determinada área. É uma forma de mapeamento com o registro da cobertura vegetal de uma área e destaca as características qualitativas e quantitativas de espécies distribuídas em áreas de florestas. Esse documento serve de base para o planejamento do uso dos produtos florestais, realização de manejo sustentável da floresta, e ainda para embasar sobre a dinâmica florestal do espaço.

Para o produtor rural o Inventário Florestal é importante porque apresenta as informações sobre os recursos florestais existentes numa propriedade e de muitas características sobre as quais as árvores estão crescendo. É feito seguindo as etapas de planejamento, coleta e processamento dos dados.

Rondônia já tem o Inventário Florestal elaborado pela Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) que será lançado durante a Agrolab Amazônia, evento do Sebrae. É esperado que, a partir dessa oficialização, que a cobertura florestal existente possa ter seu uso racional, sem a devastação predatória que coloca em risco o bioma e o uso continuo dos recursos naturais. Desde a era da colonização, a cobertura vegetal do Estado sobre a pressão econômica e a cada ano vem perdendo grande dimensão sem qualquer programa de controle e sem projetos de recomposição.

O uso racional desse tipo de recursos poderá aliar ganhos econômicos, evitar a evasão de receita, garantir a sustentabilidade do ecossistema, e, proporcionar ações efetivas que possam garantir a existência desses recursos naturais para as futuras gerações. O que tem causando danos ambientais e econômicos na região é a exploração ilegal e gananciosa que insiste em levar vantagens sem oferecer ao ecossistema a possibilidade de recomposição e, ainda, causa diversos abusos econômicos com a comercialização ilegal sem recolher impostos e sem cumprir o papel socioeconômico e socioambiental. Que esse inventário Florestal seja para resolver de uma vez por todas esse descontrole percebido no uso inadequado do espaço agrário e das coberturas vegetais na Amazônia.


Deixe o seu comentário

sobre Solano Ferreira

Editor-Chefe do Diário da Amazônia. Comunicador Social e Marketing/ Mestre em Geografia. Atua na Gestão Estratégica e Gerenciamento de Crise.

Arquivos de colunas