porto velho - ro, 12 Setembro 2019 19:56:14
    Diário da Amazônia

    IV Conferencia Municipal de Cultura em Porto Velho

    Hoje é o dia de todos os envolvidos com as várias setoriais de cultura de Porto Velho, discutirem o futuro do movimento. *********..

    A-A+

    Publicado: 07/08/2019 às 16h33min

    Hoje é o dia de todos os envolvidos com as várias setoriais de cultura de Porto Velho, discutirem o futuro do movimento.

    *********

    Acontece que a Fundação Cultural de Porto Velho realiza a partir das 8 horas. desta quinta feira, a IV Conferencia Municipal de Cultura.

    *********

    É bom que todos compareçam e apresentem proposta, para que nossa cultura seja vista com maior carinho e responsabilidade.

    *********

    Não adianta ficar cobrando do governo municipal, se os das setoriais não se importarem com as politicas públicas, que estarão em discussão no dia de hoje no teatro Guaporé.

    **********

    Aliás, o movimento cultural no estado de Rondônia está a pleno vapor, basta lembrar que vários municípios estão realizando Conferencia.

    **********

    Ariquemes, Ji Paraná e Vilhena são alguns dos municípios que estão convocando as setoriais a participar de suas Conferencias.

    **********

    Durante alguns meses, o Movimento PaCultura discutiu o que propor para a cultura de Porto Velho durante a Conferencia que acontece nesta quinta feira.

    **********

    Então meus amigos do Movimento PACU, quero encontrar todos durante a Conferencia Municipal de Cultura no teatro Guaporé.

    **********

    Por falar em movimento cultural, hoje soube de fonte fidedigna, que alguns, questionaram junto ao órgão do governo estadual, responsável pela comunicação oficial, o porquê não me chamavam para uma conversa no sentido de que eu parasse de “criticar” algumas ações praticadas.

    *********

    Gostaria de informar aqueles que não gostam da minha maneira de exercer a função de critico cultural, que o Zekatraca não critica ninguém, o que tentamos passar aos nossos dirigentes culturais, é ajuda, mostrando o que não é bom para o setor.

    *********

    Se os amigos que dirigem os órgãos culturais, ao em vez de irem pedir para que eu seja “calado”, procurasse entender nossas sugestões.

    *********

    Vários secretários de cultura, ou várias pessoas que atuaram como secretário de cultura no estado de Rondônia, tentaram me subornar, oferecendo gratificação via CDS e eu nunca aceitei.

    *********

    Nunca aceitei gratificação do governo estadual ou de qualquer outro gestor, simplesmente porque sei que as ofertas eram apenas para tentar “calar” a minha boca. Jamais tive o “rabo” preso com qualquer dirigentes cultural oficial.

    *********

    O legado do Zekatraca é defender a cultura e não quem pensa que faz cultura. Teve um dirigente governamental que chegou a solicitar da direção do jornal, minha suspensão e até foi atendido pelo então diretor do Grupo. Sabe qual o resultado disso?

    *********

    Assim que descobriram a trama, a punição foi suspensa. Espero que não descubram nada de anormal em sua gestão.

    *********

    Uma coisa me deixa feliz: Todos aqueles que já atuaram como secretário de cultura, após deixar o cargo se tornaram meus amigos e até agradecem os meus comentários de outrora.

    *********

    Desde Ruy Mota até o Rodney Paz, passando pelo Luiz Venceslau, Eluane Martins e tantos outros, sem exceção, são meus amigos nos dias de hoje.

    **********

    É bom que se diga que nem todos me ofereceram gratificação, teve quem solicitasse minha transferência para outro órgão que não a secretaria por eles administradas e até conseguiram.

    *********

    Uma vez alguém me procurou para dizer que eu deveria tomar cuidado, pois o governador em exercícios, havia comentado que já não suportava meus comentários contra sua administração na área cultural.

    *********

    Resultado, fui escalado para viajar pelos municípios e o tiro saiu pela culatra (deles), porque eles pensavam que do interior eu não teria como publicar a coluna, coisa que não aconteceu e eles tiveram que me trazer de volta e até me chamaram para elogiar o trabalho que desenvolvi no interior.

    *********

    Deixo bem claro, que sou funcionário federal. Daí!



    Escreva um comentário