Porto Velho/RO, 03 Abril 2020 11:16:01
Diário da Amazônia

J.K. Rowling lança ‘Harry Potter em Casa’ para levar magia a isolamento

O mundo bruxo ficou ainda maior. A britânica J.K. Rowling, autora da série de livros de aventura Harry Potter, lançou uma plataforma..

A-A+

Publicado: 03/04/2020 às 11h15min

Plataforma “Harry Potter em Casa” fornece gratuitamente a versão em audiolivro do primeiro livro da franquia
Foto: Graeme Robertson/ Getty Images Europe/ Getty Images

O mundo bruxo ficou ainda maior. A britânica J.K. Rowling, autora da série de livros de aventura Harry Potter, lançou uma plataforma virtual do universo mágico para manter as crianças ocupadas e entretidas durante a pandemia do novo coronavírus.

A novidade “Harry Potter em Casa” reúne diversos passatempos relacionados à franquia, incluindo acesso gratuito à versão em audiolivro do primeiro volume da série.

Harry Potter e a pedra filosofal foi incluído na biblioteca de audiolivros gratuitos como parte de uma parceria entre a plataforma e a Amazon. A obra já está disponível em diversas línguas e sem a necessidade de uma assinatura do serviço de audiolivros, de propriedade da companhia norte-americana.

Na plataforma, também há artigos, quebra-cabeças e vídeos, recursos que foram disponibilizados pelas editoras Bloomsbury e Scholastic.

“Pais, professores e educadores que trabalham para manter as crianças se divertindo e interessadas enquanto estamos em isolamento precisam de um pouco de magia”, disse Rowling ao anunciar o lançamento.

“Por mais de 20 anos, Hogwarts tem sido uma fuga para todos – leitores e fãs, jovens e mais velhos”, afirmaram os organizadores do site em uma publicação para explicar a plataforma.

“Durante esses tempos sombrios nos quais nos encontramos, queremos recebê-los de volta em Hogwarts, onde encontrarão um retiro amigável para vocês, suas famílias e aqueles que estãos sob seus cuidados”, disseram.

A pandemia de COVID-19 levou ao fechamento de escolas e postos de trabalho. Com isso, milhões de pessoas pelo mundo estão confinadas em casa, o que causou um aumento no uso da internet e na busca por ferramentas virtuais de entretenimento.

Rowling havia anunciado anteriormente que estava liberando direitos autorais relacionados ao universo Harry Potter, o que permitiria a professores publicarem vídeos de si mesmos lendo em voz alta os livros da série para seus alunos.



Deixe o seu comentário