Porto Velho/RO, 11 Dezembro 2019 23:39:28

    SolanoFerreira

    coluna

    Publicado: 25/10/2019 às 10h20min | Atualizado 26/10/2019 às 10h21min

    A-A+

    Liberação do FGTS deve promover um feliz natal

    Apesar de que o ano não foi tão bem para a economia no geral, o setor de comércio de Rondônia está otimista com as vendas no melhor..

    Apesar de que o ano não foi tão bem para a economia no geral, o setor de comércio de Rondônia está otimista com as vendas no melhor período que é o Natal. Os negócios devem ser impulsionados pela liberação de partes do FGTS e pelo pagamento em dia do funcionalismo público do Estado e municípios. Em todo o país, o segmento comercial espera ampliar também as contratações de mão de obra.

    A injeção de dinheiro no mercado vem ajudando também a reduzir a listas de inadimplência. Muitos trabalhadores estão utilizando os saques do FGTS para pagar contas, limpar os nomes, e fazer novos compromissos.

    Essa notícia não anima apenas empresários, mas também os diversos trabalhadores que estão há meses esperando oportunidade de trabalho com carteira assinada. A fila do desemprego cresceu neste ano, e pode ser minimizado no período de novembro de 2019 a início de fevereiro de 2020, quando ocorrem as promoções de sobras de estoques do final de ano e iniciam as vendas do carnaval. Somente em Porto Velho, o otimismo leva a crer que serão mais dois mil empregos temporários. Os que se destacam no trabalho acabam ganhando as vagas e permanecendo no trabalho por mais tempo.

    Os R$ 215 milhões que são esperados a mais na economia de Rondônia, devem ser consumidos seguindo a tendência nacional de compras nos setores de alimentos, bebidas, roupas, calçados e eletrônicos como os favoritos, mas a projeção da economia prevê giro em todos os segmentos comerciais.


    Deixe o seu comentário

    Arquivos de colunas