Porto Velho/RO, 29 Junho 2020 10:04:07
Diário da Amazônia

Movimentação no Porto Graneleiro de Porto Velho cai 16,09%, aponta ANTAQ

A movimentação de cargas nos primeiros meses do ano no porto público de Rondônia teve uma queda de 16,09% em relação ao mesmo..

A-A+

Publicado: 29/06/2020 às 09h28min | Atualizado 29/06/2020 às 10h04min

Movimentação no Porto Graneleiro de Porto Velho teve queda nos primeiros meses. Foto: Rafaela Schuindt

A movimentação de cargas nos primeiros meses do ano no porto público de Rondônia teve uma queda de 16,09% em relação ao mesmo período do ano passado, segundo apontou relatório da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ), através do Estatístico Aquaviário.

De acordo com o relatório nos últimos três meses do ano, passaram pelo Porto Público de Porto Velho 938.953 toneladas. No mesmo período do ano passado, o movimento foi bem maior superando 1.118.994 toneladas.

Segundo o relatório da Antaq, o maior fluxo de mercadoria neste primeiro trimestre do ano foi de sementes e frutos (72,2%); seguido de Adubos (18,5%); Semirreboque Baú (3,6%) e containeres (1,8%).

CENÁRIO NACIONAL

Nos primeiros quatro meses, o setor portuário nacional (portos públicos + terminais privados) movimentou 340.588.296 toneladas. O montante corresponde a um crescimento de 3,71% em comparação com o mesmo período de 2019.

Do total movimentado entre janeiro e abril, os portos privados movimentaram 65,2%. Os portos públicos, 34,8%. O Terminal da Ponta da Madeira (MA) foi a instalação privada que mais movimentou: 51,8 milhões de toneladas. Em relação aos portos públicos, Santos (SP) foi quem liderou: 35,3 milhões de toneladas. (Valor&Mercado)



Deixe o seu comentário