Porto Velho/RO, 27 Setembro 2020 06:00:54

JoséLuiz

coluna

Publicado: 27/09/2020 às 06h00min

A-A+

Não Para de aumentar

Que as exportações de carne seguem em ritmo bom para o mercado rondoniense e nacional, isso é uma realidade indiscutível, assim como o..

Que as exportações de carne seguem em ritmo bom para o mercado rondoniense e nacional, isso é uma realidade indiscutível, assim como o preço do produto não para de aumentar, também é outro fato real, nesta semana arroba do boi gordo foi comercializada na terra de Rondon a R$ 238,50 a vista e R$ 240,50 com 30 dias de prazo, caminhando a passos largos para arroba alcançar a faixa dos R$ 250,00 até o final do ano, ou talvez um pouco acima, conforme avaliam técnicos, pecuaristas e empresários.

Em ascensão

Nos açougues, casas do ramo e nas gôndolas de supermercados, conforme explicam gerentes e comerciantes, com o preço da carne bovina batendo nas estratosferas, os consumidores estão buscando alternativas, na carne de suínos, frangos e peixes, que também sofreram aumentos, porém em escalas menores. Substituir o churrasco de carne bovina, por uma costelinha de suíno, frango, ou tambaqui assado na brasa, não é uma má pedida, basta saber temperar e controlar o calor do fogo. É como dizem lá na fronteira do Brasil com Argentina, “na vida tudo se ajeita”.

Antigo sonho!

Não é novidade que uma das bandeiras defendidas no Congresso Nacional pelo senador Acir Gurgacz (PDT-RO) foi à recuperação da BR 319, ligando Manaus capital do Amazonas com Porto Velho em Rondônia. Depois de muita luta e pronunciamentos, o governo federal anuncia planos e projetos para recuperar essa estrada tão importante para economia regional, sem falar nos benefícios para os estados do Acre e Roraima. O antigo sonho começa a se concretizar, valeu a pena senador!

Presente de Natal!

Pois é, o presidente Jair Bolsonaro anunciou para dezembro a inauguração da ponte sobre o rio Madeira, no distrito de Abunã, concretizando um velho sonho dos produtores rurais do lado de cá naquela região e do lado de lá no estado do Acre. Com um bom tempo de atraso, essa inauguração com certeza será um presente de Natal para uma área que produz gado de ótima qualidade, soja, milho e feijão beneficiando também centenas de pequenos produtores rurais.

Sucesso tecnológico

Para os organizadores da Conecta Agrolab Amazônia, o evento transmitido via internet com a participação de autoridades brasileiras e convidados internacionais, foi um sucesso. Os dirigentes do Sebrae Rondônia e dos estados amazônico já pensam em repetir no próximo ano, algo semelhante valorizando o agronegócio na Amazônia, conforme esclarece, Samuel Almeida.

As chuvas chegaram

De sul a norte em Rondônia, os equipamentos estão entrando cedo nas lavouras, aproveitando as primeiras chuvas para colocar a semente de soja na terra. O Secretario de Agricultura, Evandro Padovani aposta numa colheita recorde na safra que está sendo plantada, uma vez que as chuvas chegaram no certo, com os produtores aproveitando ao máximo com as novas tecnologias no campo.

Finalizando

O Banco da Amazônia liberou uma linha de crédito, “Custeio Automático” em que basta o produtor rural ter cadastro na instituição sem burocracia e projeto, os recursos estão disponibilizados pelo prazo de um ano. Vou ficando por aqui, boa leitura e vamos em frente, bom final de semana, não esqueça de usar máscara.


Deixe o seu comentário

sobre José Luiz Alves

Colaborador do Diário da Amazônia - José Luiz Alves, é jornalista. Apresenta aos sábados das 6h às 8h na Rede Tv Rondônia! o programa Campo e Lavoura, com informações ao homem do campo e produtores rurais, em cadeia com seis emissoras de rádios para todo o Estado de Rondônia.

Arquivos de colunas