porto velho - ro, 20 Setembro 2019 22:55:28

    LéoLadeia

    coluna

    Publicado: 30/07/2019 às 09h20min

    A-A+

    Nossa carga tributária bateu na lua 35,07% do PIB em 2018

    Frase do dia   “A casa de Lula é a cadeia” – Jornalista José Nêumanne Pinto  1-Estaria o hacker dentro da lei?  Ao invadir..

    Frase do dia

     

    “A casa de Lula é a cadeia” –Jornalista José Nêumanne Pinto 

    1-Estaria o hacker dentro da lei? 

    Ao invadir celulares, Walter quis só provar as falhas de segurança e demonstrar fatos do processo contra um “ex-presidente” na Lavajato. A invasão do celular da Manuela D’Ávila é por ser ela a jornalista que saberia o número do celular do colega Greenwald que talvez fosse igual ao do Intercept sabe-se lá. Poderia invadir o telefone de David Miranda, esposa do Gleen, que é uma deputado federal, mas como invadir o celular da congressista, casada e coisa e tal. E como ficaria a etiqueta se é que me fiz entender?  

    2-E Moro o juiz fora da lei?

    Afirmam os advogados de Walter Delgatti Neto que ele fez tudo tão dentro da lei que até deixou as provas com fiéis depositários dentro e fora do Brasil. Walter, diferente do que disse Moro sobre descarte ou destruição de provas obtidas pela PF em celulares periciados, nada poderia fazer – tanto que o presidente Bolsonaro negou e disse que isso é com a justiça – ou de nada valeria, posto que como afirmam seus advogados, tá tudo guardadinho pra quem quiser ver, ouvir, pegar ou cheirar se tiver estômago forte. 

    3-Selvageria no Pará 

    Presos de duas facções criminosas do Centro de Recuperação Regional de Altamira no Pará “partiram pro pau” hoje cedo e o saldo são 52 mortos, sendo 16 decapitados e 36 asfixiados. Presos do bloco A onde estão custodiados presos de uma organização invadiram o anexo onde estão presos de um grupo rival e a carnificina começou. Para o “grand finale” depois de cortarem a cabeça de 16 inimigos o grupo invasor trancou a porta e ateou fogo. E após 5 horas de selvageria a conta continua a subir. Já são 57. 

    4-Morte e imposto: ninguém escapa

    Nada é tão ruim que não possa piorar. Nossa carga tributária bateu na lua 35,07% do PIB em 2018 ou R$2,39 trilhões. Na média R$ 11.494 em impostos de cada brasileiro, que teve, portanto de destinar tudo o que ganhou em 128 dias de trabalho. Os cálculos foram executados por dois renomados economistas José Roberto Afonso e Kleber de Castro, que se surpreenderam com a conta. Para o burro de carga também chamado consumidor, nada existe de novo. O fim do mês chega sempre antes. Lá pelo dia 20. 

    5-Puxadinho “dubaráio”

    O CNJ Conselho Nacional de Justiça que tem a função de fiscalizar o Poder Judiciário reúne-se a cada 15 dias com os seus integrantes e “tacá-le pau”. Como fica distante 10 minutos do STF quer ficar mais perto e mudar de lugar, depois de uma reforma a três anos que custou R$ 7 milhões. O novo prédio de 30,9 mil metros quadrados, para abrigar 15 pessoas a cada 15 dias vai custar R$ 23,3 milhões. Só camisa de força…

    leoladeia@hotmail.com


    Escreva um comentário

    sobre Léo Ladeia

    Leo Ladeia é baiano de Itororó, torcedor do Bahia ou um pau rodado que apoitou por aqui. Começou como radialista na Rádio Vitória Régia aos 55 anos. Apresentou o programa Lendas do Rock na rádio Parecis. Na SIC TV como aqui no Gente de Opinião Léo Ladeia fez de tudo. Astronauta, boy, pintor, poeta e pedreiro. Mutante, gosta de experimentar e de desafios, atualmente Ladeia está trabalhando no Rede TV Rondônia, canal 17,do Sistema Gurgacz de Comunicação.

    Arquivos de colunas