Porto Velho/RO, 10 Janeiro 2020 15:53:22

    SolanoFerreira

    coluna

    Publicado: 10/01/2020 às 15h53min

    A-A+

    O endividamento e a busca de liquidez dos passivos

    O governo do Estado lança um programa de refinanciamento de dívidas dos contribuintes em busca de manter os cofres supridos para os..

    O governo do Estado lança um programa de refinanciamento de dívidas dos contribuintes em busca de manter os cofres supridos para os compromissos deste ano. A medida é uma forma de atrair os devedores para um reparcelamento ou para a quitação com desconto. Esse programa acontece num momento oportuno para resolver pendências, já que o país passa por um momento delicado na economia. O endividamento da população vem crescendo e virando uma bola de neve.

    O maior vilão do endividamento do brasileiro é a taxa de juros altíssima aliada com a falta de educação financeira. O cidadão gasta compulsivamente e gera um efeito desastroso no giro econômico, afentando a todos os segmentos, chegando os reflexos aos cofres públicos que também passam a receber menos em contribuições e tributos. Refinanciar ou oferecer vantagens para quitação é alternativa básica em qualquer tentativa de recuperação financeira.

    Em dezembro passado foi o município de Porto Velho que ofereceu vantagens para quem devia e tinha pretenções de colocar a situação em dia. O mesmo vem ocorrendo com o comércio e diversos outros credores que estão angustiados com tantos passivos com risco de perder de vista.

    Enquanto isso, os bancos continuam aumentando seus lucros às custas da especulação financeira com juros exorbitantes. Além dos programas de recuperação financeira, o Congresso Nacional e o governo federal precisam promover algum tipo de intervenção para que o dinheiro saia das mãos dos banqueiros para circular no comércio e indústria. Essa é uma regra básica para salvar a economia de um país em crise, mas que no Brasil vem se arrastando.


    Deixe o seu comentário

    sobre Solano Ferreira

    Editor-Chefe do Diário da Amazônia. Comunicador Social e Marketing/ Mestre em Geografia. Atua na Gestão Estratégica e Gerenciamento de Crise.

    Arquivos de colunas