porto velho - ro, 19 Julho 2019 12:48:43

Léo Ladeia

coluna

Publicado: 30/05/2019 às 15h41min

A- A+

O fuzil do capitão está mirando os conselhos ministeriais

“A recuperação da economia está, por assim dizer, pendurada numa palavra: Confiança” – Jornalista Josias de Souza 1-A ideologia..

“A recuperação da economia está, por assim dizer, pendurada numa palavra: Confiança” – Jornalista Josias de Souza

1-A ideologia é a “mão grande!”

Depois do molho, volto ao trampo com três exemplos de senadores dubaráio. Eduardo Braga-MDB quer legalizar a prevaricação de fiscais da receita: bico calado se acharem outros crimes. Jean Paul Prates-PT quer travar a venda de ativos da Petrobrás e Vital do Rego-PSB quer extintores nos carros. Interesses de toda ordem – vista grossa e pente fino – são a festa da “tchurma do querumêu”. A “mundiça” mete a mão sem dó!    

2-Como ficar rico na cadeia

Umanizare é consultoria em gestão empresarial, limpeza, outras atividades e nestas a administração de presídios. A sede fica em SP, os diretores moram no Ceará e Goiás, mas os sete presídios sob seu tacão estão no Amazonas e Tocantins e rendem por preso R$ 4,7 mil/mês, contra 2,4 mil no resto do país. Deve haver algo estranho nisso, a PF também acha e tanto que descobriu que o secretário de segurança do Amazonas “em prol da paz” ajuda a facção FDN. Detalhe “disciplina, contenção de rebelião e segurança é com o poder público”. Fiquei boladaço! A Umanizare tem cara de jacaré, boca de jacaré, rabo de jacaré e nem de longe lembra o coelhinho branco da páscoa.    

3-Viva a tecnologia!!!

O fuzil do capitão está mirando os conselhos ministeriais. Só no Ministério da Mulher, da Família e Direitos Humanos são 400 conselheiros em 12 conselhos com passagens e diárias para os “cumpanheiros” quase todos ligados a ONG’s e seus puxadinhos. Ora, acabar a farra iria gerar comoção social e o que fez o governo? Videoconferência é a palavra da moda. A “tchurma da diária” vai mostrar serviço sem sair do lugar.

4-Os reis do pedaço

O capitão saiu do Palácio e foi à Câmara sem aviso. Antes reuniu-se com o presidente do STF, da Câmara e do Senado. Depois mandou uma carta ao presidente do Senado e disse a todos que a harmonia reina em cada um dos reinos que formam o reino da democracia. Mas por debaixo dos panos cada rei fala que tem mais poder que o outro e que só não faz chover pra não gastar a tinta da caneta. Diboa: se todos entregassem os cargos eu viveria mais feliz com os vices. Até o Mourão e o Marcos Pereira. Diboa.     

5-Quem emprenhou a urna do Senado?

As vezes um assunto importante é posto de lado mas de repente está de volta. No dia 02 de fevereiro uma urna pariu dois votos. O fato se deu no Senado quando da eleição do presidente da Mesa. Inicialmente pensou-se num ginecologista para explicar o fato e depois vendo que havia treta foi determinada uma minuciosa apuração que estaria a cargo da PF, mas que depois ficou com os guardas do próprio Senado. Ainda não se o nome do senador que conseguiu fecundar a urna. Vou voltar ao fato até que se saiba.


Escreva um comentário

sobre Léo Ladeia

Leo Ladeia é baiano de Itororó, torcedor do Bahia ou um pau rodado que apoitou por aqui. Começou como radialista na Rádio Vitória Régia aos 55 anos. Apresentou o programa Lendas do Rock na rádio Parecis. Na SIC TV como aqui no Gente de Opinião Léo Ladeia fez de tudo. Astronauta, boy, pintor, poeta e pedreiro. Mutante, gosta de experimentar e de desafios, atualmente Ladeia está trabalhando no Rede TV Rondônia, canal 17,do Sistema Gurgacz de Comunicação.

Arquivos de colunas