Porto Velho/RO, 11 Dezembro 2019 21:45:15
    Variedades

    Pitbull foge de casa, ‘pega’ metrô sozinho e assusta usuários

    Quando um segurança foi resgatar Hulk dentro do vagão, passageiros estavam acuados em um canto com medo do cachorro.

    A-A+

    Publicado: 09/11/2019 às 10h58min

    Hulk ficou sob os cuidados dos funcionários da estação até ser localizado pelos donos
    Foto: arquivo pessoal

    Você já se imaginou voltando da escola ou do trabalho, embarcar no metrô e se deparar com um cachorro pitbull passeando pelo vagão e pela plataforma? Pois foi o que aconteceu na noite dessa quarta-feira (6) em Belo Horizonte.

    O cão Hulk, de oito anos de idade, teve a audácia de fugir da casa de seu dono, no bairro Camargos, região Oeste da capital, caminhar até a estação Cidade Industrial, entrar em um dos vagões do metrô e ir com destino à estação Eldorado, em Contagem, na região metropolitana.

    Segundo Melissa Oliveira, de 28 anos, o cão, que é de seu namorado, tinha o costume de passear pela praça do bairro. “Meu cunhado esqueceu o portão aberto, e o cachorro saiu. Ele costuma andar pela praça do Camargos, mas ele não estava lá”, contou a estudante, que informou que o animal é manso.

    “Ficamos procurando ele um tempão, mas aí, um vizinho disse que viu ele indo para o metrô. Embarcamos e fomos até a estação Eldorado, onde ele estava sendo cuidado pelo pessoal que trabalha lá”, disse.


    Melissa disse que o cachorro estava bem triste, mas assustou os passageiros que estavam no local. “O segurança do metrô que buscou ele, disse que quando foi pegá-lo, estava todo mundo acuado em um canto do vagão, com medo dele”, relatou.

    “Apesar do Hulk ter ficado triste de ficar longe de casa, quando viu a gente, ele começou a pular e ficar muito feliz. Foi um alívio!”, concluiu a estudante.

    A Companhia Brasileira de Trens Urbanos confirmou o ocorrido. Disse que o animal ficou aos cuidados dos funcionários e devolvidos ao dono posteriormente.

    De acordo com as normas da empresa, é proibido transportar nos trens:

    – Produtos químicos e/ou botijão de gás;
    – Objetos cortantes e/ou pontiagudos;
    – Animais (cães, gatos, aves, etc) exceto cão-guia;
    – Móveis, geladeiras, fogões, tv, etc;
    – Grandes volumes, vassourão e espanador;
    – Produto perecível sem embalagem (exceto no “Trem do Sururu”);
    – Bicicleta sem embalagem e carro de mão.

    Fonte: O Tempo



    Deixe o seu comentário