porto velho - ro, 22 Setembro 2019 02:18:00
    Diário da Amazônia

    “Prédio do Relógio” abriga oficialmente Prefeitura de Porto Velho

    Agora é oficial. Na manhã desta sexta-feira (14), em solenidade que contou com a presença de diversas autoridades políticas, militares..

    Por Assessoria Diário da Amazônia
    A-A+

    Publicado: 14/06/2019 às 15h52min

    Agora é oficial. Na manhã desta sexta-feira (14), em solenidade que contou com a presença de diversas autoridades políticas, militares e eclesiásticas, além de membros da sociedade civil organizada, o prefeito Hildon Chaves inaugurou a nova sede da Prefeitura de Porto Velho.

    O ato, que foi seguido do descerramento da placa inaugural e da apresentação da galeria de prefeitos, foi acompanhado pela imprensa e pelos ex-prefeitos Sebastião Valadares, João Coelho de Oliveira, Carlos Camurça e José Alves Guedes, que enalteceram a iniciativa e parabenizaram Hildon Chaves pelo que eles chamaram de resgate do marco histórico de Porto Velho.

    “Hoje é um dia histórico, estamos inaugurando oficialmente o Prédio do Relógio como sede da Prefeitura de Porto Velho. Prédio que abrigou a administração da Estrada de Ferro Madeira Mamoré, que é a primeira razão do surgimento da cidade de Porto Velho e do próprio estado de Rondônia”, salientou Hildon Chaves, acrescentando que, nessa data, a história se renova e é revivenciada pelos porto-velhenses. “Aqui (Prédio do Relógio), diria que é o marco zero de Porto Velho, então faz todo sentido a Prefeitura funcionar neste prédio”, acrescentou.

    Além do resgate histórico e cultural, Hildon Chaves justificou a mudança de sede dizendo que a Prefeitura funcionou em frente a Catedral por 42 anos, mas que o gabinete cresceu e precisava de um espaço mais amplo. “Lá (antigo prédio da Prefeitura), agora, funciona a Coordenadoria da Tecnologia da Informação, concentrando toda a parte de informática e internet”, destacou Chaves.

    Com Hildon Chaves na Prefeitura, o Município passou a cuidar com muito carinho do Complexo da Madeira Mamoré que, inclusive, está sendo revitalizado. “Conseguimos, com a Secretaria do Patrimônio da União (SPU), a cessão desse espaço da Madeira Mamoré por 50 anos, nessa mesma toada, também solicitamos o ‘Prédio do Relógio’, que é do Governo Federal e foi feita uma cessão de uso não onerosa por 50 anos também, renovável por mais 50 anos”, declarou.

    A solenidade de inauguração da nova sede administrativa do Município foi encerrada com um ato ecumênico e o descerramento da placa inaugural.



    Escreva um comentário