porto velho - ro, 21 Setembro 2019 11:30:34
    Saúde

    Servidores participam de campanha de vacinação contra gripe H1N1

    Servidores do Porto Público de Porto Velho participam de campanha de vacinação contra gripe H1N1

    A-A+

    Publicado: 13/09/2019 às 15h20min

    Cerca de 60 servidores do Porto de Porto Velho foram imunizados na manhã desta sexta-feira (13) contra a gripe H1N1. A ação foi promovida pela Divisão de Imunização da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) em parceria com a Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e contempla o programa de ações prioritárias de segurança do trabalhador, tendo como intuito, levar bem-estar aos servidores.

    Para a diretora administrativa e financeira da Sociedade de Portos e Hidrovias do Estado de Rondônia (Soph), Elissandra Brasil do Carmo, a iniciativa demonstra a responsabilidade da diretoria executiva. “Não nos preocupamos apenas com o resultado ou com a quantidade produzida pelos servidores diariamente, mas também com as condições de saúde desse servidor e, em função disso, mobilizamos o maior número de ações para promover o bem-estar no ambiente laboral”, afirmou a diretora.

    Gripe H1N1

    O vírus influenza A e B são responsáveis por epidemias sazonais, sendo o vírus influenza A responsável pelas grandes pandemias.

    O tipo C causa apenas infecções respiratórias brandas, não possui impacto na saúde pública, não estando relacionado com epidemias.

    Tipo A – são encontrados em várias espécies de animais, além dos seres humanos, como suínos, cavalos, mamíferos marinhos e aves.

    As aves migratórias desempenham importante papel na disseminação natural da doença entre distintos pontos do globo terrestre.

    Eles são ainda classificados em subtipos de acordo com as combinações de 2 proteínas diferentes, a Hemaglutinina (HA ou H) e a Neuraminidase (NA ou N).

    Dentre os subtipos de vírus influenza A, atualmente os subtipos A(H1N1)pdm09 e A(H3N2) circulam de maneira sazonal e infectam humanos.

    Alguns vírus influenza A de origem animal também podem infectar humanos causando doença grave, como os vírus A(H5N1), A(H7N9), A(H10N8), A(H3N2v), A(H1N2v) e outros.

    O vírus influenza A (H7N9) é um subtipo de vírus influenza A de origem aviária.

    Tipo B – infectam exclusivamente os seres humanos. Os vírus circulantes B podem ser divididos em 2 grupos principais (as linhagens), denominados linhagens B/ Yamagata e B/ Victoria. Os vírus da gripe B não são classificados em subtipos.

    Tipo C – infectam humanos e suínos. É detectado com muito menos frequência e geralmente causa infecções leves, portanto apresenta implicações menos significativas de saúde pública.

    Fonte: Secom – Governo de Rondônia



    Escreva um comentário