Porto Velho/RO, 17 Outubro 2021 09:36:42
Diário da Amazônia

Sine de Porto Velho realiza cadastro de jovens na Associação Luz do Alvorecer

Uma oportunidade de encaminhar jovens e adolescentes para o primeiro emprego

A- A+

Publicado: 16/09/2021 às 12h54min | Atualizado 16/09/2021 às 12h55min

Foto: Divulgação

Com o propósito de fazer o cadastro de jovens aprendizes para encaminhá-los ao primeiro emprego por meio da Intermediação de Mão de Obra (IMO), equipe do Sine Municipal da Prefeitura de Porto Velho esteve, na quarta-feira (15), na Associação Luz do Alvorecer (Aluz), no bairro Mato-Grosso, região central da cidade.

De acordo com o vice-presidente da associação, Gilberto Barbosa, jovens entre 16 e 21 anos fazem parte do quadro de alunos da associação que, inicialmente, está ofertando o curso de operador de computador. Em breve, a grade de cursos deve ser ampliada para formar mais jovens e colocá-los no mercado de trabalho.

“Estamos firmando um convênio com a Semdestur para colocar os nossos jovens no mercado de trabalho e fazer com que eles entrem no primeiro emprego após a formação”, conta o vice-presidente da associação.

“Eu quero parabenizar a Associação Luz do Alvorecer pela iniciativa de resgate destes alunos na sociedade. Quero dizer também que o nosso Sine Municipal está de portas abertas para ser essa ponte entre o aluno e o empregador”, parabenizou a titular da Secretaria Municipal de Indústria, Comércio, Trabalho e Turismo (Semdestur), Glayce Bezerra.

A primeira-dama de Porto Velho, Ieda Chaves, que conhece o trabalho realizado pela associação, também esteve presente. “Essa ação de aproximação entre a Luz do Alvorecer e o Sine Municipal, através da Semdestur, surge como uma oportunidade de inserir esses jovens no mundo do trabalho para ter uma profissão e uma vida mais digna”, destacou.

Os cursos são ofertados às pessoas de baixa renda que não possuem condições de manter um curso particular. Profissionais como pedagogos e assistentes sociais fazem a seleção dos pretendentes às vagas.

“Eu sempre fui muito interessado nessa área, esse curso foi uma oportunidade que tive. Os professores são bons e estou aprendendo muito. Sem dúvidas é uma chance de a gente entrar no mercado de trabalho ou trabalhar por conta”, disse Camile Alicia Miranda Barroso Goulart, estudante do curso de operador de computador.

Além dos cursos, a associação mantém projetos sociais realizados por voluntários e mantidos por meio de doações de pessoas autônomas e entidades particulares. Para conhecer um pouco mais do trabalho desenvolvido pela Luz do Alvorecer, basta acessar: luzdoalvorecer.org.br. (SMC)



Deixe o seu comentário