Porto Velho/RO, 02 Setembro 2021 16:50:39
Diário da Amazônia

Táxi sem motorista? Robô-táxi poderá ser chamado por aplicativo já em 2023

Enquanto os táxis aéreos da NASA e da Joby Aviation não chegam, que tal experimentar um táxi totalmente autônomo?

Por CT
A- A+

Publicado: 02/09/2021 às 16h46min | Atualizado 02/09/2021 às 16h50min

Enquanto os táxis aéreos da NASA e da Joby Aviation não chegam, que tal experimentar um táxi totalmente autônomo, ou seja, sem motorista, de uma marca bastante conhecida e em terra firme mesmo? É isso o que a Hyundai e a Motional, em parceria com a Lyft, estão planejando para 2023.

A fabricante sul-coreana e a empresa de condução autônoma criaram um veículo autônomo de nível 4, ou seja, que dispensa a presença de um condutor, baseado no Ioniq 5, crossover construído sobre plataforma eletrificada E-GMP.

Chamado de “Robô-táxi”, o carro autônomo será apresentado no Salão de Munique, na Alemanha, entre os dias 7 e 12 de setembro, mas as primeiras informações (e as primeiras imagens) já foram divulgadas.

Segurança e tecnologia

Segundo a Motional, parceira da Hyundai no projeto, o robô-táxi dará aos passageiros “um lugar espaçoso e confortável para trabalhar, relaxar ou socializar durante seu passeio sem motorista”. E, para cumprir a promessa, o investimento em tecnologias voltadas para a segurança dos passageiros foi pesado.

O Ioniq 5 conta com mais de 30 sensores, incluindo câmeras, radares e LiDAR, tudo para garantir uma visão 360º, além de gerar imagens em alta resolução e, claro, rapidez na detecção de objetos pelo caminho, em qualquer que seja a direção.

A autonomia do robô-táxi elétrico será de 300 milhas (aproximadamente 482 quilômetros) com uma única carga, e o veículo autônomo contará ainda com um recurso de carregamento bidirecional, que pode fornecer até 3,6 kW de energia. “Este robô-táxi representa a visão da Motional de um futuro sem motorista se tornando uma realidade”, afirmou o presidente e CEO da Motional, Karl Iagnemma.

“Temos experiência automotiva e de software incomparável em todo o nosso processo de desenvolvimento de veículos. Essa colaboração profunda nos permite fabricar um robô-táxi que é altamente seguro e confiável, e tem custo otimizado para produção global”, completou.

Até o momento não há qualquer informação sobre quantos robô-táxis Hyundai Ioniq 5 serão produzidos ou em quais locais o serviço será disponibilizado. Atualmente, a empresa, em parceria com a Lyft, opera uma frota de veículos BMW série 5 em Las Vegas, nos Estados Unidos. A Lyft, aliás, recentemente desistiu da ideia de investir em veículos autônomos próprios e vendeu sua divisão para uma subsidiária da Toyota por US$ 550 milhões. (Canaltech)



Deixe o seu comentário