Porto Velho/RO, 24 Abril 2021 16:00:36

JoséLuiz

coluna

Publicado: 24/04/2021 às 16h00min

A-A+

Transformando as paisagens!

As lavouras de soja, milho e arroz ao lado de tanques para a produção de tambaqui, as margens da BR 364, no trecho entre Ariquemes e..

As lavouras de soja, milho e arroz ao lado de tanques para a produção de tambaqui, as margens da BR 364, no trecho entre Ariquemes e Itapuã do Oeste, naturalmente estão transformando os campos onde predominava a criação de bovinos criados soltos em áreas cultiváveis. Equipamentos modernos dotados de novas tecnologias transformam as paisagens com o progresso e desenvolvimento ocupando os espaços vazios. Contudo, a BR 364 único caminho para escoar a produção do Sul do estado até o sistema portuário na capital, Porto Velho, ali naquele pedaço por onde transitam veículos pesados e de passageiros os buracos e crateras marcam presença colocando em risco a vida de viajantes, produtores rurais e caminhoneiros.

Valor de referência

No meio da crise provocada pelos baixos valores pagos pelos laticínios aos produtores de leite com uma paralisação que atinge 50% deste setor que movimenta uma parte significativa da economia do estado depois de muitos avanços e recuos, chegaram ao valor de referência ao litro do produto em R$ 1,25. Na opinião de técnicos e produtores rurais, esse valor não é suficiente para custear as despesas nas propriedades conduzidas pela agricultura familiar.

Uma realidade!

A formação de um bloco formado pelos estados do Amazonas, Acre e Rondônia, que nasceu à dois anos, aqui e Porto Velho, num encontro entre os governadores do Acre Gladson Camelli e Marcos Rocha, se transformou em realidade com a formatação do AMACRO, uma instituição que tem como objetivo desenvolver a região de maneira sustentável. Gladson Camelli e Marcos Rocha entenderam naquela oportunidade havia a necessidades dos três estados se unir e caminhar na mesma direção, nascendo ali a proposta do projeto AMACRO, que agora está consolidado.

A União faz a força!

Em torno da idéia do AMACRO, uniram se, Sudam, Suframa, Sebrae, Federação de Agricultura e Pecuária de Rondônia (FAPERON),  Embrapa e secretarias de agriculturas do estados do Amazonas, Acre e Rondônia, unindo informações técnicas, que no final revelam que 32 municípios nos três estados, serão beneficiados pelo projeto. Em Rondônia serão beneficiados pelo AMACRO, os municípios de Alto Paraíso, Ariquemes, Buritis, Campo Novo de Rondônia, Candeias do Jamari, Cujubim, Itapuã do Oeste, Machadinho do Oeste, Monte Negro, Nova Mamoré, Porto Velho e Rio Crespo.

Indo Longe

Ao participar do programa “Brasil Rural” na Rádio Nacional de Brasília apresentado pelo jornalista, Marcelo Ferreira, que vai ao ar diariamente para todo o território brasileiro das 5:00 às 7:00 horas, o presidente do Banco do Povo  Manoel Serra, revelou a importância desta instituição que recebe o apoio do governo do estado no atendimento aos micros-empreendedores rurais e urbanos, nesta época de pandemia. Ao tomar conhecimento detalhado da importância social do Povo, Marcelo Ferreira comentou que outros estados deveriam seguir o exemplo de Rondônia.

Em queda

O consumo de carne bovina neste período de pandemia sofreu uma queda de 30% em Rondônia, acompanhando as baixas registradas em todo o território Nacional. Os preços da carne bovina que tiveram aumento de 30% provocaram mudanças nos hábitos dos consumidores, substituindo a carne vermelha, pelo frango, suíno e peixes. Muitos pequenos açougues e frigoríficos estão encerrando as atividades acentuando o nível do desemprego.

Finalizando

Desculpem a nossa falha! Na Semana passada por motivos profissionais, estive viajando e não consegui produzir a coluna, porém estou de retorno. Um bom final de semana, evitando aglomerações e farras, usando máscaras, pois o coronavirus na está de brincadeira.


Deixe o seu comentário

sobre José Luiz Alves

Colaborador do Diário da Amazônia - José Luiz Alves, é jornalista. Apresenta aos sábados das 6h às 8h na Rede Tv Rondônia! o programa Campo e Lavoura, com informações ao homem do campo e produtores rurais, em cadeia com seis emissoras de rádios para todo o Estado de Rondônia.

Arquivos de colunas