porto velho - ro, 11 Agosto 2018 07:07:25

COLUNA ESPORTIVA

A Eucatur (Empresa União Cascavel de Transportes e Turismo Ltda.) iniciou sua trajetória no ano de 1964

A- A+

Publicado: 07/04/2018 às 07h00min | Atualizado 07/04/2018 às 10h27min

Eucatur Aniversaria

A Eucatur (Empresa União Cascavel de Transportes e Turismo Ltda.) iniciou sua trajetória no ano de 1964, com apenas uma linha de aproximadamente 20 quilômetros, ligando Cascavel (PR) a Santa Tereza (PR). Com o passar dos anos, exploramos novos lugares, transportando pessoas do Sul ao Norte do Brasil, tendo por objetivo principal proporcionar aos nossos clientes novas experiências através de um transporte feito com carinho.

Para comemorar os 54 anos de fundação da empresa, foi celebrado no dia 31 de Março, um culto ecumênico no prédio da, mas nova filial, da Agência de Ariquemes, inaugurada na via expressa de Ariquemes. Estiveram presentes os gerentes regionais Ronaldo, Barbosa e convidados.

Guajará recebe o Genus

Guajará e Genus se enfrentam neste sábado, a partir das 16 horas (horário de Rondônia), no estádio João Saldanha pela segunda rodada do returno do Campeonato Rondoniense Loterias Caixa 2018.
Ao longo da história, as duas equipes se enfrentaram 19 vezes. O Guajará tem nove vitórias, enquanto que o Genus acumula sete. Além disso, ocorreram três empates.

A história do confronto iniciou no dia 19 de abril de 1998 no estádio Aluízio Ferreira com vitória do Guajará por 1 a 0. No mesmo ano, o  Glorioso voltou a vencer no dia 10 de maio o Genus por 1 a 0 no estádio João Saldanha.

As duas equipes chegaram a decidir uma vez o Estadual em 2000. Naquele ano, o Guajará venceu as duas partidas da final e conquistou seu único título na história. No dia 11 de agosto, o Glorioso venceu por 3 a 2 no Aluízio Ferreira. Já no dia 27 de agosto o Guajará bateu o Genus por 1 a 0 no João Saldanha.

O último encontro entre as equipe ocorreu na primeira rodada do primeiro turno do Campeonato Rondoniense deste ano. No dia 12 de fevereiro, o Guajará superou o Genus por 3 a 1 no estádio Aluízio Ferreira.

ASSOCIAÇÃO DESPORTIVA CAPITÃO – ADEC

Desde 2016 a Associação Desportiva Capitão (ADEC) em conjunto com o 7º Batalhão de Polícia Militar desenvolvem um trabalho em prol de crianças e adolescentes carentes de 06 a 16 anos que contribuiu para construção de bons cidadãos, as ações como atividades de futebol de campo e orientações para se manter longe da criminalidade, para a melhoria da qualidade de vida e o estímulo ao convívio social e coletivo, entre outras atividades, estão contribuindo para que alunos/atletas sejam destaques dentro e fora do campo de futebol.

O mês de abril foi marcante para os alunos da Escolinha de Futebol Capitão, na primeira quinzena dois alunos/atletas devido ao alto rendimento conquistaram duas vagas para jogar no clube de futebol de Capetinga/MG. Já na segunda quinzena mais dois alunos se destacaram e foram selecionados para avaliações, sendo eles: Gustavo Silva da Cunha (15 anos) para o clube Associação Mineira de Desenvolvimento Humano (A.M.D.H.) em Belo Horizonte/MG e o Carlos Eduardo Santos de Ângelo (14 anos) para o clube de Rio Branco em Americanas/SP.

O Instrutor, profissional de Educação Física e policial militar Ricardo Rodrigues Ugatti, reforçam que o objetivo principal da ADEC/7º BPM é manter os alunos/atletas longe das drogas e da criminalidade, auxiliar na construção de cidadãos conscientes de seu papel na sociedade, tendo conhecimento de seus deveres e direitos. “Nossa equipe e parceiros trabalham com muita dedicação neste Projeto e saber que estamos contribuindo para formação pessoal e esportiva de nossos alunos/atletas é muito gratificante. Vivenciar suas conquistas e desenvolvimentos mostra que estamos no caminho certo e nos fortalece para continuar o trabalho”, disse entusiasmado Ugatti.

Dida fica fora

O Real Ariquemes venceu no domingo, 1º de abril, pela primeira rodada do segundo turno do Campeonato Rondoniense Loterias Caixa. A vitória de virada por 2 a 1 foi comemorada pelo goleiro Dida que está fora do próximo jogo, por levar o terceiro cartão.

Amarelo

A partida entre Aurigrená e Furacão estava marcada para sábado, 31, mas por problemas na iluminação do estádio Aluízio Ferreira, aos três minutos de bola rolando foi transferido para domingo. E justamente nesses minutos do jogo de sábado que Dida levou o terceiro amarelo.  Mesmo diante da suspensão, o goleiro diz que tem muito para comemorar.

– Fora, mas feliz por ter conquistado três pontos e por ter companheiros de grande competência no Real Ariquemes. Temos profissionais que podem me substituir que trabalham firme comigo e o professor Manga, então fico suspenso, mas tranquilo. O Real Ariquemes atual campeão rondoniense tem: Gil e Jefferson para substituir o tri campeão estadual Alex Cardoso “Dida”.

Apesar da tranquilidade, por conhecer os goleiros do time, Dida confessa que fica aquela vontade de estar em campo.
– Tô tranquilo, mesmo com aquela vontade de jogar, a gente quer estar lá no meio, mas fico feliz do meu companheiro entrar em campo e ajudar nossa equipe da mesma maneira que eu estou ajudando.

BARCELONA

Buscando sua recuperação no Campeonato Rondoniense 2018, o Barcelona recebe neste sábado, a partir das 20 horas (horário de Rondônia), o Ji-Paraná no estádio Portal da Amazônia, em Vilhena (RO). A partida é válida pela primeira rodada do segundo turno da competição estadual.

No primeiro turno, o Barcelona ficou com a terceira colocação somando 11 pontos na classificação. Já o Ji-Paraná fechou sua participação no turno inicial na sétima posição com seis pontos. No último final de semana, as duas equipes se enfrentaram e o Galo da BR goleou o Catalão Vilhenense por 5 a 2 no estádio Biancão, em Ji-Paraná.

Do lado do Barcelona, o técnico Alex Oliveira deixou o comando do clube. No duelo deste sábado, o Catalão Vilhenense será comandado pelo novo técnico, Thiago Batizoco. Para a estreia no returno a baixa será o volante Xavão, que foi expulso e terá que cumprir suspensão automática.

Já do lado do Ji-Paraná, o técnico Karmino Colombini conta com dois desfalques. São eles: o meio Tuquinha e o atacante Assis, que tomaram o terceiro cartão amarelo e terão que cumprir suspensão automática.



Escreva um comentário


Mais sobre