porto velho - ro, 10 Fevereiro 2019 09:51:42
Cidades

Equipe da AMT recupera placas destruídas em Ji-Paraná

A AMT mantém equipes responsáveis pela reposição e manutenção dessas placas de sinalização

Por Redação
A- A+

Publicado: 10/02/2019 às 08h18min

Se preferir, ouça a versão em áudio

A prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito (AMT), tem registrado várias ações de vandalismo contra placas de sinalização de trânsito no município. Dos 230 locais onde foram necessários substituir ou instalar novas placas, 40% deles haviam sofrido algum tipo de vandalismo.

A situação prejudica a segurança no trânsito e causa prejuízos aos cofres públicos. – Foto: Divulgação

Segundo o presidente da AMT, Alex Marcos, as placas que mais sofrem vandalismo são as que indicam Pare e de acessibilidade. A situação prejudica a segurança no trânsito e causa prejuízos aos cofres públicos.

“As pessoas que cometem vandalismo contra o patrimônio público estão passíveis de ser punidas com multa e até detenção de seis meses a três anos, segundo o artigo 163 do código penal brasileiro. Mas a questão da segurança no trânsito é ainda mais grave. Quebrar uma placa de “pare”, por exemplo, pode colocar em risco a vida das pessoas que estão passando pelo cruzamento e que não percebem que precisam parar”, explicou o presidente da AMT.

A AMT mantém equipes responsáveis pela reposição e manutenção dessas placas de sinalização, seja por conta do vandalismo ou desgaste natural do tempo. A reforma e confecção delas são feitas pelos servidores e com recursos próprios. O material é reparado com nova pintura ou substituição da base de aço.

“As equipes realizam periodicamente vistorias nos locais indicados pela comunidade para verificar a necessidade de instalação ou manutenção da sinalização. Nós contamos com a ajuda da comunidade para que nos informe os locais onde as placas precisam ser substituídas e denunciem as pessoas que estão praticando este tipo de crime”, finalizou.



Escreva um comentário