Porto Velho/RO, 11 Dezembro 2019 19:45:06

    JoséLuiz

    coluna

    Publicado: 24/11/2019 às 06h00min

    A-A+

    O caminho para combate as queimadas na Amazônia é a regularização

    Queimadas        Até que enfim, acordaram. O ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles reconhece que o melhor caminho para combater..

    Queimadas 

          Até que enfim, acordaram. O ministro do Meio Ambiente Ricardo Salles reconhece que o melhor caminho para combater as queimadas na Amazônia, é a regularização fundiária. Diga-se de passagem, essa bandeira para regularizar as milhares de hectares de áreas produtivas, em Rondônia, onde os agricultores assentados pelo governo federal há mais de 40 anos ainda são considerados invasores, vem sendo defendida no Congresso Nacional pelo senador Acir Gurgacz (PDT).

          Salgado…! 

         Com arroba do boi gordo prometendo alcançar o patamar de R$ 200,00 até o final do ano, com o quilo da carne nobre sofrendo um aumento nos açougues e gôndolas de supermercados girando entre 3,37 e 6,45%, o churrasco no Natal ficará salgado. O caminho mais curto e menos oneroso é apelar para o velho peru de guerra, ao frango, o saboroso pernil de suíno que preparados com carinho e assados no forno, são capazes de agradar os paladares mais exigentes. 

         Agora vai… 

       Se nada mudar no meio do caminho, parece que agora de fato vai sair a tão esperada concorrência para recuperação da BR 319 ligando Porto Velho a Manaus. Essa é uma luta antiga do senador Acir Gurgacz (PDT) e outros representantes da bancada federal no estado do Amazonas, por entender que o desenvolvimento econômico e social desta região passa pela manutenção desta rodovia. Ganham Rondônia e Amazonas. 

        Vem do campo 

       Os números divulgados diariamente, pelos mais diversos e qualificados institutos de pesquisas revelam que o Brasil continua com sua vocação voltada para o agronegócio, caminhando a passos largos para se tornar ao lado dos Estados Unidos no maior produtor de alimentos do planeta. Em Rondônia, a produção de soja, milho, carne, peixe e café, mantêm um ritmo acentuado mostrando que a salvação da economia vem do campo. 

          Agricultura familiar     

        Participando com mais de 75% na produção de tudo que vai para mesa do consumidor, agricultura familiar representa uma parcela importante na manutenção do pequeno agronegócio, preservando as famílias no campo. Um estudo divulgado na semana passada mostra por outro lado que agricultura familiar ainda não recebe o tratamento adequado pelos órgãos oficiais principalmente em se tratando de assistência técnica. 

         Finalizando 

        Desejando um bom final de semana e boa leitura, vou ficando por aqui felicitando a Vila de Rondônia (o melhor Ji-Paraná) pelos seus 42 anos de emancipação política, desenvolvimento econômico e social. 


    Deixe o seu comentário

    sobre José Luiz Alves

    José Luiz Alves, é jornalista. Apresenta aos sábados das 6h às 8h na Rede Tv Rondônia! o programa Campo e Lavoura, com informações ao homem do campo e produtores rurais, em cadeia com seis emissoras de rádios para todo o Estado de Rondônia.

    Arquivos de colunas