Porto Velho/RO, 25 Março 2020 10:43:51
Diário da Amazônia

Semasf esclarece sobre Bolsa Família, BPC, e Auxílio Cidadão

Semasf alerta sobre informação falsa de suposto cadastramento do Governo Federal, em grupos de WhatsApp e postagens de redes sociais

A-A+

Publicado: 25/03/2020 às 10h43min

A Secretaria Municipal de Assistência Social e da Família ( Semasf), da Prefeitura de Porto Velho, por meio da Central do Cadastro Único está fazendo esclarecimento importante aos beneficiários do programa Bolsa Família, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e o “Auxílio Cidadão” (ajuda mensal de R$ 200 do Governo Federal para trabalhadores autônomos e pessoas de baixa renda, durante a pandemia Coronavírus).

Bolsa Família

O Ministério da Cidadania, por meio da Portaria Nº 335 – publicada na sexta-feira (20) – estabeleceu medidas emergenciais para o Programa Bolsa Família, entre elas a de que não haverá bloqueios e cancelamentos dos benefícios pelo prazo de 120 dias.

Segundo o secretário da Semasf, Claudi Rocha, o programa Bolsa Família atende cerca de 22.357 famílias no município de Porto Velho.

Benefício da Prestação Continuada (BPC)

Já a Portaria nº 330, estabelece o adiamento da inscrição dos beneficiários do Benefício de Prestação Continuada (BPC) no Cadastro Único. Muitos beneficiários que recebem o benefício e ainda não realizaram a inscrição no Cadastro Único não precisarão fazê-la pelos próximos 120 dias, e não terá bloqueio ou suspensão do benefício.

O gerente da Central do Cadastro Único da Semasf, Vitor Nascimento, explica que o BPC “é destinado a pessoas com deficiência e idosos, público vulnerável que faz parte do grupo de risco do coronavírus. Por isso entendemos que a medida evitará deslocamentos e exposição, protegendo, portanto, esse grupo de pessoas”, afirmou.

Os beneficiários do BPC com aniversário em setembro, que não fizeram a inscrição no prazo previsto no cronograma estabelecido pela Portaria MC nº 631/2019, até 01.03.2020, não terão os benefícios suspensos. A nova data limite para realizar o cadastramento será 30 de junho de 2020.

“Auxílio Cidadão”

A Semasf informa que é falsa a informação que circula em alguns grupos de WhatsApp e em postagens de redes sociais nos últimos dias sobre um suposto cadastramento do Governo Federal em um site para que as pessoas recebam o “Auxílio Cidadão”.

Conforme o secretário da Semasf, Claudi Rocha, existe, sim, entre as dezenas de medidas já adotadas pelo governo federal no combate aos efeitos da Covid-19, a previsão de um suporte de R$ 200 por pessoa, por três meses, para auxiliar trabalhadores informais, desempregados e microempreendedores individuais (MEIs) que integrem famílias de baixa renda.

“Solicitamos que as famílias entrem em contato com nossas unidades para tirar suas dúvidas de como será o procedimento deste auxílio, assim que for aprovado pelo Governo Federal”, observou o secretário Claudi Rocha.

Na dúvida a população deve ligar nos seguintes canais de atendimentos de segunda a sexta-feira:

Cras Betinho: 98473-6269
Cras Paulo Freire : 98473- 6076
Cras Irmã Dorothy : 98473-4364
Cras Cras Dona Cotinha : 98473- 6030
Cras Elizabeth Paranhos : 98473-6030
Centras do Cadastro Único: 98473-3814

Fonte: Comdecom



Deixe o seu comentário