Porto Velho/RO, 08 Dezembro 2019 05:20:15
    Cidades

    VÍDEO: transtornado, suspeito conta porque matou professora

    O crime aconteceu na manhã de domingo (17), em Candeias do Jamari.

    A-A+

    Publicado: 18/03/2019 às 15h29min

    O crime aconteceu na manhã de domingo (17), em uma casa localizada na rua 21 de Abril, bairro União, em Candeias do Jamari.

    Joselita Félix da Silva, de 47 anos, foi morta a pauladas durante a manhã de domingo (17), em uma casa localizada na rua 21 de Abril, bairro União, em Candeias do Jamari. De acordo com a Polícia Militar (PM), o ex marido, identificado como Welington A. S., de 35 anos, invadiu a residencia e cometeu o crime.

    De acordo com as informações, Welington invadiu a casa de Joselia enfurecido com um pedaço de madeira. A mulher foi agredida com várias pauladas na cabeça. Devido a violência, Joselita morreu no local. O pai da vítima também foi agredido e foi socorrido em estado grave para o hospital João Paulo II.

    Imediatamente a Polícia Militar esteve no local do crime e prendeu o suspeito, sendo encaminhado para a Central de Flagrantes. O suspeito alega que o motivo teria visto a ex saindo de um motel. O corpo da vítima foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML).

    CONFIRA O VIDEO ABAIXO:

    https://www.youtube.com/watch?v=72l6bwnvgko

    Imagem: Reprodução

    O homem suspeito de ter matado contou porque matou a professora Joselita Félix da Silva, de 47 anos, a pauladas. Visivelmente transtornado ele falou rapidamente já preso como praticou a barbárie.

    O crime aconteceu na manhã de domingo (17), em uma casa localizada na rua 21 de Abril, bairro União, em Candeias do Jamari.

    O CRIME

    Joselita Félix da Silva, de 47 anos, foi morta a pauladas durante a manhã de domingo (17), em uma casa localizada na rua 21 de Abril, bairro União, em Candeias do Jamari. De acordo com a Polícia Militar (PM), o ex marido, identificado como Welington A. S., de 35 anos, invadiu a residencia e cometeu o crime.

    De acordo com as informações, Welington invadiu a casa de Joselia enfurecido com um pedaço de madeira. A mulher foi agredida com várias pauladas na cabeça. Devido a violência, Joselita morreu no local. O pai da vítima também foi agredido e foi socorrido em estado grave para o hospital João Paulo II.

    Imediatamente a Polícia Militar esteve no local do crime e prendeu o suspeito, sendo encaminhado para a Central de Flagrantes. O suspeito alega que o motivo teria visto a ex saindo de um motel. O corpo da vítima foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML).



    Deixe o seu comentário



    Mais sobre Cidades