porto velho - ro, 11 Dezembro 2018 14:50:06

Léo Ladeia

coluna

Publicado: 22/11/2018 às 15h02min

A- A+

Montando a banda a seu modo

“A Lava Jato é um passo na direção certa, mas é insuficiente. Não basta tirar as maçãs podres do cesto, temos de mudar as..

“A Lava Jato é um passo na direção certa, mas é insuficiente. Não basta tirar as maçãs podres do cesto, temos de mudar as condições para evitar que as maçãs apodreçam.” – Deltan Dallagnol procurador da Lava Jato

1-E o Oscar vai para…

A equipe da Rede TV levou três prêmios do Concurso de Jornalismo MP-RO. Emerson Barbosa papou o Grande Prêmio, Yale Dantas venceu na categoria Telejornalismo e o Gleiton Felipe Baracho o de Repórter Cinematográfico. Vinicius Canova Pires do site Rondonia Dinâmica levou o Webjornalismo, Jhenifer Núbia da Rede Amazônica em Fotojornalismo e Uildson Cavalcante do Rondoniagora na categoria Universitário. Parabéns a todos. Gurizada competente. Feliz como se fosse eu um dos premiados.  

2-A força do parlamento

Montando a banda a seu modo, Bolsonaro pode não agradar no repertório, mas insiste com sua partitura e confia na sua battuta: “Alguns dizem que eu não vou ter apoio do parlamento. Pode acontecer por que não? Não estamos fazendo política tradicional. Eu fiz a minha campanha praticamente sozinho sem partido nenhum a meu lado”. Com muitos anos de Câmara Federal, Bolsonaro sabe que a “tchurma do querumeu” logo virá comer na mão. É só não abrir a mão antecipadamente. Contudo – sempre há o contudo – e se os famintos resolverem agüentar o tranco e viver de brisa amorosa?    

3-A força dos Jedis

Se há algo que corrupto tem medo é farda. Bolsonaro tem uma proposta que arrepia: “Propus a eles trazermos de volta para cá os comandos militares, para a Esplanada. Por que foram tirados daqui?” Atualmente, os comandos da Marinha e da Aeronáutica ficam em blocos da Esplanada e o Exército no setor militar urbano da capital federal. No passado, os comandos das três Forças ficavam na Esplanada e os chefes eram chamados de ministros, o que não ocorre mais. Pelo jeito, o Bolsonaro quer uma força em contraposição à outra. Isso nãolembra algo do tipo Star Wars, Jedis e a Força?

4-Saindo do forno

Três novos nomes do alto escalão bolsonarista estão no forno para serem expostos no balcão: Os economistas Rubem Novaes e Pedro Guimarães estarão respectivamente no comando do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. Já para o Ministério da Educação é “pule de dez” o nome do procurador Guilherme Schelb, um defensor da Escola sem Partido e crítico da chamada ideologia de gênero. Tá assim com o “homi’.   

5-Estendendo a lona para o MST  

A ministra indicada para a Pasta da Agricultura, deputada Tereza Cristina confirmou que o governo Jair Bolsonaro vai contar com uma Secretaria de Assuntos Fundiários subordinada ao Ministério da Agricultura. A nova secretaria vai incorporar as funções da atual Secretaria de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário, ou seja, as lonas pretas do MST ficarão sob o guarda chuva da “tchurma da soja”. Será que dá?

leoladeia@hotmail.com

 


Escreva um comentário

sobre Léo Ladeia

Leo Ladeia é baiano de Itororó, torcedor do Bahia ou um pau rodado que apoitou por aqui. Começou como radialista na Rádio Vitória Régia aos 55 anos. Apresentou o programa Lendas do Rock na rádio Parecis. Na SIC TV como aqui no Gente de Opinião Léo Ladeia fez de tudo. Astronauta, boy, pintor, poeta e pedreiro. Mutante, gosta de experimentar e de desafios, atualmente Ladeia está trabalhando no Rede TV Rondônia, canal 17,do Sistema Gurgacz de Comunicação.

Arquivos de colunas