porto velho - ro, 11 Outubro 2018 22:30:26

Léo Ladeia

coluna

Publicado: 12/06/2018 às 09h48min

A- A+

POLÍTICA e MURUPI

FRASE DO DIA: “O PT vive um dos melhores momentos da sua história”. – Carta de Lula ao PT, da prisão. 1-Mais um. Ramirez é o 17º..

FRASE DO DIA:

“O PT vive um dos melhores momentos da sua história”. – Carta de Lula ao PT, da prisão.

1-Mais um. Ramirez é o 17º ou 18º?

Mais um secretário da Prefeitura caiu. Orlando Ramirez é o 17º no geral e o 2º na Semusa. Aliás, como Breno Mendes caiu duas vezes ele é o 18º. E não importa quem venha, o novo vai penar. Os velhos problemas – o maior é saneamento – leva a Semusa a tratar doentes em lugar de promover saúde. Sem alternativas o prefeito aposta nas OS’s como a bola da vez. Mas se o taco “espirrar” ou ele errar a caçapa vai demitir quem? Game over! E nós?

2-O buraco Brasil

Em março a pesquisa Focus do Banco Central registrou que a economia cresceria 2,9%. Na esteira outras fontes falaram de 3,5% para 2018. Depois surgiram sinais que a reação era bem mais lenta mais um dado positivo tendo em vista a recessão de 8%. Escalada: 16 de fevereiro o governo intervém no Rio de Janeiro e três dias depois desiste da reforma da Previdência. Falta de credibilidade e legitimidade do governo, impopularidade do Temer e eis o rombo. Pior: ao rombo de 2018 some-se o de 2019. Sem reforma ele só aumenta.

3-Bolso vazio

Bolso vazio se liga ao cérebro e contas saem rápidas. O cidadão comum viu que o prejuízo com a grave dos caminhoneiros é dele e o economista de verdade, Fábio Klein, confirma: a alta de R$74 bilhões nas despesas correntes bate nos gastos previstos de R$40 bilhões, e bingo! O rombo é de R$34 bilhões só para bancar o preço do diesel. Quem for eleito para 2019 será refém do teto de gastos mais difícil de se cumprir que o de 2018. Diz o Fábio que “nos próximos meses a receita perde força pela redução do PIS e Cofins resultantes da negociação com caminhoneiros”. E no rolo ainda virá a nova tabela de fretes. É a treva.

4-Coisas do Brasil

João Rodrigues, deputado federal pelo PSD-SC era prefeito de Pinhalzinho em 1999. Por lá fraudou/dispensou licitações. É crime. Toureia e vai, em fevereiro o crime prescreveria, mas a ágil PGR conseguiu que João fosse julgado e preso. Quatro meses na Papuda, até o ministro Barroso lhe devolveu o mandato. João vai viver a experiência de Dr. Jekyll e Mr. Hyde. Será Excelência com pompa e circunstância de dia e preso comum durante a noite. E a decisão foi do Barroso. Imaginem se fosse do Gilmar eu mesmo caia de pau.

5-Trairagem explícita

Quem acompanha a política em Rondônia já se acostumou com sorriso e choro de araque, pneu furado, rasteira, laxante na gororoba, compra de assessor, pesquisa falsa, açúcar no tanque moça sendeira se oferecendo, fake News, tudo o que possa atrapalhar o adversário que é tratado como inimigo em época de campanha. Claro que acordos e juras de amor eterno existem, vingam, mas o normal é confiar desconfiando. Para esfaquear nas costas é preciso abraçar de frente e passarinho que acompanha morcego dorme de ponta cabeça.

leoladeia@hotmail.com


Escreva um comentário

sobre Léo Ladeia

Leo Ladeia é baiano de Itororó, torcedor do Bahia ou um pau rodado que apoitou por aqui. Começou como radialista na Rádio Vitória Régia aos 55 anos. Apresentou o programa Lendas do Rock na rádio Parecis. Na SIC TV como aqui no Gente de Opinião Léo Ladeia fez de tudo. Astronauta, boy, pintor, poeta e pedreiro. Mutante, gosta de experimentar e de desafios, atualmente Ladeia está trabalhando no Rede TV Rondônia, canal 17,do Sistema Gurgacz de Comunicação.

Arquivos de colunas